Airton decide no segundo tempo e garante vitória do Cruzeiro no clássico com Atlético-MG
Airton comemora o único gol da partida (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro EC)

Com gol de Airton no segundo tempo, o Cruzeiro bateu o Atlético-MG por 1 a 0, pela nona rodada do Campeonato Mineiro, disputado na tarde desse domingo (11), no Mineirão.

- Gols e melhores momentos Cruzeiro 1x0 Atlético-MG pelo Campeonato Mineiro

A vitória colocou a Raposa na segunda colocação, com 17 pontos. O Galo permanece líder, com os mesmos 21 pontos.

Primeiro tempo abaixo

Os primeiros minutos do clássico foram de estudo de ambos os lados. O Cruzeiro fechou bem as portas da defesa, e o goleiro Fábio não trabalhou com muita dificuldade. Já no ataque, faltou sintonia dos pontas Bruno José e Airton com o restante da equipe. Marcinho, armador da equipe, não correspondeu.

O Atlético-MG sofreu muito com a falta de produtividade de Savarino, Nacho Fernández e Vargas. O alvinegro “assustou” somente em dois lances, em finalizações com o chileno. Até os 37 minutos, uma estatística chamou a atenção: 20 faltas assinaladas pela arbitragem, sendo 11 cometidas pela Raposa.

A melhor oportunidade do Cruzeiro foi em uma falta muito próxima da área, cobrada por Rafael Sóbis, e que Everson fez a defesa. Pode-se afirmar que a primeira etapa não correspondeu à altura das expectativas, se tratando de qualidade técnica. Faltou futebol, e ninguém destoou um minuto sequer.

Airton decide, e Pottker é expulso junto com Hulk

O papo no vestiário pode ter surtido efeito. A segunda etapa foi bastante diferente ao primeiro tempo, com o Cruzeiro superior e bem distribuído taticamente. O Atlético-MG também estava melhor, mas aquém do que já foi mostrado ao longo da competição. Nacho não conseguiu ser o diferencial.

Com um belo pivô de Rafael Sóbis, Airton avançou até a área e marcou o único gol da partida, aos 16 minutos. O Galo teve a melhor oportunidade num lance cara a cara de Vargas com Fábio, mas o goleiro celeste conseguiu fazer a intervenção. Em outra oportunidade, o chileno chegou a balançar as redes, mas o assistente assinalou impedimento.

Nem mesmo Hulk, outro gigante investimento, deu retorno. Já nos acréscimos, ele foi expulso juntamente com William Pottker, após se envolverem numa confusão.

No clássico do centenário a ser completado no próximo dia 17, o Cruzeiro foi melhor e teve uma vitória justa em cima do maior rival. É a terceira vitória consecutiva da Raposa, em que é mostrada uma evolução do time de Felipe Conceição.

Agenda

Em compromisso válido pela Copa do Brasil, o Cruzeiro viaja até o Rio Grande do Norte, onde enfrenta o América-RN, pela segunda fase da Copa do Brasil, na quarta-feira (14). O Atlético-MG, por sua vez, terá semana cheia para trabalhar e só joga no próximo domingo (18), contra o Boa Esporte, no Mineirão, pelo Estadual.

VAVEL Logo