Em semifinal de tricolores, Fortaleza e Bahia duelam pela retomada da hegemonia no Nordeste
Rafael Machaddo/EC Bahia

Duas equipes com as mesmas cores, pertencentes à mesma região do Brasil e donos dos elencos mais fortes do Nordeste ao lado do Ceará. O reencontro para o tudo ou o nada. A vaga para a grande decisão. A busca pela retomada da hegemonia. Com esses e vários outros pontos coincidentes, Fortaleza e Bahia se enfrentam às 20h30 deste sábado (24) na Arena Castelão, em Fortaleza/CE. O confronto é válido pela semifinal da Copa do Nordeste 2021. O duelo é único. Se a partida terminar empatada no tempo regulamentar, o classificado será conhecido na disputa de pênaltis.

Tricolores se enfrentaram na fase de grupos da atual edição do Nordestão na sétima e penúltima rodada. Em jogo também disputado na capital cearense, o Leão do Pici venceu por 2 a 1. Em 12 partidas entre as equipes na competição regional, os leoninos têm apenas a vitória obtida no último dia 3. São oito vitórias baianas e três empates.

Fortaleza

A grande vantagem do Fortaleza para esse confronto foi o fato de não ter disputado nenhum jogo durante a semana. Além disso, não precisou se deslocar. Com a melhor campanha dentre os 16 participantes até o momento, o time tem direito a disputar todos os jogos em casa. Apesar disso, o cenário no clube é de total cautela com determinação simultânea em poder disputar mais uma final, a segunda em três anos.

Para o jogo contra o Bahia, algumas mudanças. O zagueiro João Paulo e o técnico Enderson Moreira voltam após cumprir suspensão. O zagueiro Wanderson não irá jogar por questões contratuais com a equipe da boa terra. João Paulo e Marcelo Benevenuto disputam a vaga ao lado de Juan Quintero. Outro defensor, Jackson, segue em recuperação de estiramento no ligamento colateral lateral do joelho direito. A dúvida na defesa é a única de Enderson, com o restante do time a ser idêntico ao que venceu o CSA por 2 a 1 na semana passada. O atacante David reforçou a concentração da equipe para seguir a sequência vitoriosa sobre o adversário da semifinal.

“Sei da importância que essa competição tem para os clubes do Nordeste, o quanto ela vale. Até por isso, minha vontade de vencer é muito grande. Sei o quão importante é ganhar e o quanto isso acrescenta na nossa carreira. Temos tudo para fazer um belo jogo e ir à final disputar esse título. O torcedor do Fortaleza pode esperar um time jogando para frente, com muita vontade de vencer, jogando dentro de casa. Com apoio e carinho da torcida, mesmo de casa, não tenho dúvidas de que temos tudo para fazer um ótimo jogo e sair com a classificação para a final”, disse.

Bahia

Se o Fortaleza pôde trabalhar em seu ambiente durante a semana, o Bahia não teve folga. A equipe viajou ao Uruguai para estrear na Copa Sul-Americana e saiu de Montevidéu com um empate em 1 a 1 diante do Montevideo City Torque. A equipe realizou apenas uma atividade leve com os atletas que jogaram no meio da semana e treinaram pênaltis. Ausentes no país vizinho, os atacantes Rossi e Gabriel Novaes podem aparecer no time titular neste fim de semana, principalmente Rossi. Se isso ocorrer, Óscar Ruiz volta ao banco de reservas.

O Esquadrão de Aço tenta, assim como o adversário desta noite, disputar sua segunda decisão em três anos. E, para poder se redimir da derrota na decisão do ano passado na capital baiana, Rossi falou em entrevista que está pronto para o grande jogo e, mesmo ciente da dificuldade de jogar fora de casa, há totais condições de se classificar e seguir em busca do tetra.

“É uma rivalidade que vem aumentando nesses últimos jogos. A gente os enfrentou precisando vencer de qualquer jeito ano passado, para não cair, e triunfamos por 4 a 0, um belo triunfo que tirou a gente do sufoco. Eles vieram esse ano com esse gosto de vingança e nos venceram. A gente vai se enfrentar numa semifinal da Copa do Nordeste, vai ser um grande jogo, como foram os últimos. Vamos querer vencer de qualquer jeito. Respeitamos a equipe adversária, mas vamos para vencer. Vamos passar por cima de todos os obstáculos para chegar no topo”, falou.

Ficha técnica Fortaleza x Bahia – Semifinal Copa do Nordeste 2021

Arena Castelão, em Fortaleza/CE – 20h30 deste sábado (24)

Fortaleza – Felipe Alves; Daniel Guedes, Juan Quintero, Marcelo Benevenuto (João Paulo) e Bruno Melo; Ederson, Matheus Jussa e Matheus Vargas; Yago Pikachu, Robson e David. Técnico: Enderson Moreira.

Bahia – Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Germán Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick de Lucca, Thaciano e Daniel; Rossi (Óscar Ruiz), Gilberto e Rodriguinho. Técnico: Dado Cavalcanti.

Arbitragem de campo – Dênis da Silva Ribeiro Serafim (CBF/AL), auxiliado por Esdras Mariano de Lima Albuquerque (CBF/AL) e por Brígida Cirilo Ferreira (CBF/AL), com Rafael Carlos Salgueiro Lima (CBF/AL) como quarto árbitro.

Arbitragem de vídeo – Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (CBF/RN), auxiliado por José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (CBF/AL) e por Cleriston Clay Barreto Rios (CBF/SE).

VAVEL Logo