ANÁLISE: O que tirar de positivo da goleada gremista

O Grêmio enfrentou o Aguara pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana em Porto Alegre. Já era esperado uma fácil vitória tricolor diante da fragilidade do adversário, porém nem o mais otimista torcedor gremista achou que seria com tanta facilidade.

Tiago Nunes veio para campo com Diogo Barbosa na lateral esquerda e um meio-campo com Thiag Santos, Darlan e Maicon. No ataque Luiz Fernando ganhou chance como titular. Era um time com jogadores poupados, porém com alguns titulares que jogaram para ganhar confiança e ritmo de jogo (detalhes no vídeo abaixo).

Logo no início a zaga do time venezuelano já presenteou L. Fernando que fez 1x0. Ali ficou claro que o jogo seria muito tranquilo. Após o segundo gol, o Grêmio marcou 5 vezes em 10 minutos e o resultado ficou claro que seria a quantidade de gols que o tricolor quisesse impor ao fraco time da Venezuela. No segundo tempo tivemos ainda mais dois gols, porém poderia sim ter sido mais.

Pontos positivos da equipe: fica a opção de ter o Maicon jogando na função de Jean Pyerre; sombra do Darlan no Matheus Henrique; boas atuações do Luiz Fernando, e autonomia e espaço do Rafinha para criar chances tanto pelo meio quanto pela lateral.

Para ficar atento, mas sem muito parâmetro na partida de hoje é o encaixe de marcação zonal defensivo. No vídeo abaixo, você encontra mais detalhes e análise tática da goleada.

VAVEL Logo