Tiago Nunes valoriza primeiro título pelo Grêmio: "Momento marcante"
Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Invicto e campeão! É assim que está a situação do técnico Tiago Nunes no comando do Grêmio. Em nove partidas disputadas sob o comando de Tiago, o Grêmio venceu oito e empatou somente uma. Sabe qual? A do título! Jogando com a vantagem debaixo do braço, o Grêmio empatou em 1 a 1 com o Inter e conquistou a taça do Campeonato Gaúcho.

Continuidade do trabalho!

Com a dura missão de substituir o ex-treinador do Grêmio, Renato Portaluppi, Tiago Nunes tem um começo de trabalho muito animador no Tricolor Gaúcho. Em entrevista coletiva, o treinador valorizou a conquista do Tetracampeonato Gaúcho e falou sobre o trabalho que iniciou com Renato: 

“Em nenhum momento minha chegada foi tratada como substituição, até porque o Renato é insubstituível. Humildemente, o meu trabalho é dar continuidade [...] Umtetracampeonato que há trinta e poucos anos não acontecia e é difícil acontecer. Um grupo vitorioso que não iniciou agora, começou pelo Renato, cheguei num grupo trabalhador”

Gaúcho natural de Santa Maria, Tiago Nunes começou sua trajetória trabalhando no futebol do interior. Até alcançar o sucesso com o Athletico-PR, o treinador rodou o estado do Rio Grande do Sul. Tiago Nunes falou sobre o retorno ao estado que o revelou para o futebol: 

“O cara que sai lá do interior do Rio Grande do Sul sabe que não é fácil sair de lá para trabalhar em outro lugar. Hoje retorno, não encerro, mas é um momento marcante.”

A partida do Grêmio

Sobre o jogo, o Grêmio teve atuação exemplar. Não cedeu espaços para o Inter e apostou jogar no contra-ataque. Com a expulsão de Rafinha, Tiago Nunes abriu mão de um homem de meio campo e o tricolor conseguiu manter a boa postura defensiva, não deixando o Inter chegar com perigo. 

“Nos temos que entender o que é o ser melhor. Se pensarmos na posse de bola, o Inter teve mais no início, não me lembro nenhuma chance de gol clara que tiveram, não consigo ver esse volume traduzido em tantas chances. No segundo tempo, o Grêmio criou no mínimo 4”

Tiago Nunes também comentou sobre  maturidade do jogo: "Fizemos um jogo maduro, consciente, como se joga clássico.” Ainda falando sobre maturidade, o técnico exaltou a capacidade do elenco e falou sobre o potencial da equipe para o restante da temporada:

“O Grêmio como grupo tem potencial para disputar tudo o que está inserido. O foco principal é dar atenção aos atletas que trabalhamos. A equipe tem potencial para se adaptar em vários cenários, tem maturidade para se transformar.”

Dando continuidade na entrevista, Tiago Nunes exaltou o trabalho e a importância que o Grêmio vem dando para o clássico GreNal:

“Clássico sempre é um jogo a parte, um jogo maravilhoso. Quando tu é da casa tu sabe a importância, tu sabe como tratar o adversário. Esse trabalho que o Grêmio vem mantendo é de pessoas que sabem como funciona um clássico”

Despedida de Pepê

Tiago Nunes comentou sobre a utilização de Pepê na partida de hoje. Com poucas atuações na temporada e já vendido ao Porto, Pepê entrou no lugar de Léo Pereira na segunda etapa e fez sua despedida com a camisa do Grêmio. Autor de um dos gols mais importantes da história do clássico GreNal, Pepê quase deixou uma assistência na partida de hoje. O técnico Tiago Nunes comentou sobre a situação do atleta e relatou o que falou para ele antes de coloca-lo no jogo:

“O torcedor tricolor tem que tratar com muito carinho o Pepê, sempre desempenhou com muito amor ao clube. Eu sei que a gente é cobrado pra entregar resultado, mas por trás tem um ser humano. Eu cheguei ao clube com o Pepê em processo de recuperação de lesão” 

“Eu falei para ele (Pepê) antes de entrar em campo: aproveita que pode estar jogando o último GreNal”. - Comentou Tiago Nunes

Próximos compromissos

O Grêmio volta a campo na próxima quinta-feira (27), para enfrentar a equipe do La Equidad. Já classificado na Copa Sul-Americana, o Grêmio deve utilizar um time misto contra a equipe colombiana. No próximo domingo (30), o Grêmio estreará no Campeonato Brasileiro contra o Ceará, fora de casa.

VAVEL Logo