Após 15 anos, Remo reencontra estreante Atlético-MG na Copa do Brasil
Baenão, palco do confronto desta quarta-feira (Foto: Samara Miranda/Remo)

Depois de 15 anos, Remo e Atlético-MG voltarão a se reencontrar, às 19 horas desta quarta-feira (2), em jogo de ida válido pela terceira fase da Copa do Brasil, no Baenão, em Belém/PA. O último confronto das duas agremiações ocorreu em 2006, na Série B – que teve o Galo como campeão naquele ano.

O alvinegro, como disputa a Copa Libertadores, estreia no torneio nacional nesta quarta. O Leão Azul, por outro lado, precisou passar pelo Esportivo-RS e CSA.

Remo aposta em Felipe Gedoz

O time paraense, comandado por Paulo Bonamigo, está invicto na atual temporada. São 16 jogos, com dez vitórias e seis empates – 100 dias sem saber o que é perder. Nesta quarta, será o grande teste, até então, do Leão Azul.

Até aqui, o Remo soma 32 gols marcados, sendo uma média de dois por jogo. Isso se deve muito ao desempenho do meio de campo, comandado por Felipe Gedoz, de 27 anos, auxiliando o ataque.

Para tentar continuar com a sequência positiva, a equipe não deverá ter muitas mudanças: Vinícius; Thiago Ennes, Suéliton, Rafael Jansen e Marlon; Anderson Uchôa, Lucas Siqueira e Felipe Gedoz; Jefferson, Lucas Tocantins e Renan Gorne.

A nossa garra vai ser determinante.  Sangue no olho, jogar com raça e vontade, porque qualidade temos. Colocando o coração na ponta da chuteira, com certeza vamos sair com a vitória. Sabemos que não será fácil", comentou o atacante Jefferson.

Com desfalques, Atlético-MG confia no elenco

A agenda cheia desgastou fisicamente vários titulares do Galo. Somado a isso, o clube tem desfalques de jogadores convocados para seleções, como Arana e Guga (Seleção Brasileira Olímpica), Junior Alonso (Paraguai), Alan Franco (Equador), Savarino (Venezuela) e Eduardo Vargas (Chile). Keno, por sua vez, está entregue ao Departamento Médico.

Além disso, outros devem ser poupados, para entrar no decorrer do jogo ou não. Nesse ponto, entram Igor Rabello, Nacho Fernández, Hulk e Tchê Tchê. Com isso, um time misto deverá entrar em campo no Baenão.

Um provável Atlético-MG tem Everson; Mariano, Gabriel, Réver e Dodô; Allan (Jair), Zaracho e Hyoran; Sávio, Marrony e Sasha.

O Remo é um adversário diferente para nós, que vai dar o máximo para seguir na competição. Temos que ser inteligentes, estamos jogando fora de casa, mas para ganhar”, analisou o lateral Mariano.

VAVEL Logo