Brasil e Peru se reencontram na semifinal da Copa América
Brasil x Peru (Copa América / Divulgação)

Assumida pelo Brasil dias antes do início previsto, a Copa América  2021 chega à última semana de 2021 sem grandes surpresas. Na primeira semifinal da competição, a seleção anfitrião joga contra o Peru nesta segunda-feira (05), às 20h (Horário de Brasília), no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro.

As duas seleções já se enfrentaram no torneio. E, curiosamente, na partida válida pela segunda rodada do Grupo B foi registrada a maior goleada do certame até aqui: 4 a 0 para os brasileiros. 

Para manter a hegemonia

Líder com folga das Eliminatórias da CONMEBOL para a Copa do Mundo 2022, o Brasil também reinou soberano no Grupo B da competição continental, fazendo dez pontos em quatro jogos - na última partida, o empate contra o Equador teve um time majoritariamente reserva. Nas quartas de final, a Seleção Canarinho fez 1 a 0 e segurou o jogo após a expulsão bizarra de Gabriel Jesus - desfalque para a partida. Alex Sandro, que não treinou por conta de dores na coxa direita, também deve ser desfalque.

Confronto decisivo da Copa América 2019, também realizada no Brasil e última a ser disputada, Tite, treinador brasileiro, negou qualquer tipo de favoritismo: "As duas equipes têm tradição de enfrentamento. Fizemos final, fase de grupos, Eliminatórias. Mas termina qualquer observação a partir daí, de prognóstico. Tudo é diferente, realidades, equipes, jogo "mata", nível de exigência muito alto. Jogar melhor para passar, isso que queremos e o Peru também", pontuou.

Provável escalação: Weverton; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro, Fred e Lucas Paquetá; Neymar, Richarlison e Roberto Firmino

Técnico: Tite

Buscando ser zebra

Apesar da goleada sofrida na fase de grupos para os anfitriões, o Peru foi a segunda melhor colocada da Chave B, com sete pontos em quatro jogos. Nas quartas de final, a Albirroja protagonizou o duelo mais empolgante de toda a competição, com a Blanquirroja eliminando o Paraguai nos pênaltis após um insano 3 a 3 no tempo normal. Naquela partida, André Carrillo foi expulso e não jogará hoje.

Além de elogiar o adversário, Ricardo Gareca, treinador da seleção, falou que destaca o coletivo comandado por ele. "O Brasil continua sendo uma seleção muito poderosa, esse Brasil atual é muito bom. Nossa seleção também vai melhorando. Temos condições de nos superarmos, melhorar o que fizemos até agora na Copa América. Não precisamos de estrelas ou grandes jogadores. Precisamos, sim, ter bons jogadores", finalizou.

Provável escalação: Pedro Gallese; Jhilmar Lora (Aldo Corzo), Miguel Araujo, Alexander Callens, Luis Abram e Marcos López (Miguel Trauco); Renato Tapia e Yoshimar Yotun; Gianluca Lapadula e Raziel García (Wilder Cartagena)

Técnico: Ricardo Gareca

Arbitragem

Árbitro: Roberto Tobar (CHI)

Assistentes: Christian Schiemann (CHI) e Claudio Rios (CHI)

VAR: Delis Lopez (URU)

VAVEL Logo