Xô zica! Cruzeiro vira contra Brusque na estreia de Luxemburgo e sai da zona de rebaixamento
Foto: Jefferson Alves/Cruzeiro

Sensação de alívio para uns e amargura para outros. É assim que podemos definir o jogo entre Brusque e Cruzeiro, pela 16ª rodada da Série B. No estádio Augusto Bauer, Edu marcou o primeiro gol de pênalti. Quando tudo parecia encaminhar-se para o triunfo quadricolor, a equipe celeste contou com os dedos de Vanderlei Luxemburgo para as substituições e virou na reta fina, tendo os gols marcados num intervalo de três minutos, com Felipe Azevedo e Giovanni. Vitória estrelada! A Raposa reencontra o caminho dos triunfos após nove jogos, enquanto o Bruscão perde a sequência positiva de cinco.

Nada de criatividade

Faltou um toque de criatividade para os times no início do primeiro tempo. O Brusque até teve mais posse de bola, mas não conseguiu calibrar a pontaria. Do outro lado do campo, o Cruzeiro até insistiu. Ameaçou a meta catarinense em três finalizações certas. Erros de passes na maioria dos lances, o famoso último passe, facilitava a intervenção dos mandantes.

Animação na parte final

O Brusque voltou do intervalo chegando mais ao campo de ataque. Aos 7, Thiago Alagoano cruzou rasteiro. Garcez, na maior ousadia, tocou de letra e a bola passou pelo na frente da baliza celeste. Quatro minutos depois, Alex Ruan sofreu pênalti de Brock. O atacante Edu acertou o canto direito, no alto. Fábio até caiu certo, entretanto, não alcançou. 

Cronômetro andando, o tempo estava a favor dos quadricolores. Luxemburgo não aguardou e, ao todo, realizou cinco substituições precisas. Tendo o destaque as entradas de Marcinho, Felipe Augusto, Giovanni e Claudinho. Com quarteto na frente, o Cruzeiro foi para tudo ou nada.  No fim, o relógio virou.

Aos 41', Claudinho, em seu primeiro toque, levantou na pequena área. Felipe Augusto cabeceia no canto, não dando chances para Zé Carlos. Até na manhã desde sábado (7), o vento e a sorte favoreceu o time cinco estrelas. Precisamente, três minutos depois, Giovanni arrematou de longe. O goleiro até foi na bola, mas não conseguiu segurar e a redonda morreu no fundo do gol.

Tabela de classificação

Com o resultado, o Cruzeiro sai da zona de rebaixamento. Figura o 15º lugar, somando 16 pontos. Mas pode ser ultrapassado pelo Vitória, que encara o Vasco na rodada. Por sua vez, o Brusque deixou escapar o G-4. O quadricolor aparece na sétima posição, com 24.

VAVEL Logo