São Paulo enterra de vez tabu com gols de Pablo, vence Athletico e sai do Z-4
Athletico 1 a 2 São Paulo (Divulgação / São Paulo FC)

Até 2017, a Arena da Baixada era um território muito hostil ao São Paulo: a equipe jamais tinha vencido o Athletico jogando no estádio. Neste sábado (07), entretanto, a equipe paulistana chegou ao quarto jogo sem perder para o adversário: a vitória por 2 a 1 em duelo válido pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro 2021 fez com que o time saísse da zona de rebaixamento do certame.

Todas as estatísticas favoreceram o Athletico, jogando no 4-2-3-1 e comandado por António Oliveira: 51% de posse de bola e quinze finalizações (contra onze dos adversários) - sendo seis certas. Também no 4-2-3-1 e capitaneado por Hernán Crespo, o São Paulo acertou quatro chutes a gol.

Enterrando o tabu

Logo aos dois minutos, Igor Gomes chutou da intermediária e atingiu Thiago Heleno. Aos cinco, Pablo arriscou de longe e Bento finalizou; segundos depois, Nikão colocou a redonda na área e Tiago Volpi defendeu. Com nove, após falha de Thiago Heleno, Joao Rojas perdeu gol inacreditável da pequena área. Aos treze, Pablo chegou no lado esquerdo da área, pedalou para cima de Pedro Henrique e foi derrubado pelo zagueiro. Na cobrança de pênalti, o centroavante do Tricolor cobrou no lado esquerdo e Bento acertou o canto, mas não chegou na redonda. Com 24, Erick virou uma bicicleta na área e Tiago Volpi defendeu. 

O empate do Furacão veio aos 27: Carlos Eduardo serviu David Terans na área e o erro no domínio de bola fez com que Renato Kayzer recebesse e chutasse na saída de Tiago Volpi. A resposta veio aos 33: Gabriel Sara cruzou da esquerda e Pablo, de novo, finalizou para marcar 2 a 1 - o centroavante, três minutos depois, chutou de fora da área e chutou em Richard. Aos 40 e aos 44, David Terans chutou de longe Tiago Volpi espalmou. 

Nos primeiros segundos da segunda etapa, Pedro Henrique chutou de longe e não assustou Tiago Volpi. Aos três, Nikão serviu Richard e chutou alto demais. Com nove, David Terans chutou cruzado do lado esquerdo e tirou demais do gol do SPFC - aos onze, foi Nikão quem perdeu finalização a favor do CAP. Com treze, Igor Gomes recebeu no lado direito da área e errou por muito. Aos 22, Wellington cruzou da esquerda e Pablo chutou de carrinho, à esquerda de Bento. Com 28, Igor Gomes cruzou da esquerda e Gabriel Sara chutou alto demais. 

A partida, tranquila até então, ganhou contornos dramáticos aos 38 minutos. Martín Benítez, no banco de reservas, afastou bola antes de cobrança de escanteio de David Terans e foi expulso. Após cinco minutos com mais dois amarelos, aos 44, Reinaldo cobrou falta da esquerda e Gabriel Sara finalizou nas mãos de Bento. 

Próximos jogos

Na 16ª rodada do Brasileirão 2021, o Athletico viaja para enfrentar o Cuiabá, no próximo domingo (15), às 18h15 (Horário de Brasília), um dia depois do São Paulo receber o Grêmio às 21h. Antes disso, o Furacão viaja para enfrentar a LDU, na quinta-feira (12), às 19h15, enquanto o Tricolor faz o Choque-Rei 327, contra o Palmeiras - ambos fazendo jogos de ida das quartas de final: os paranaenses pela Copa Sul-Americana 2021, os paulistas pela Copa Libertadores da América 2021.

Standings provided by SofaScore LiveScore
VAVEL Logo