Sem Cano, Vasco encara Vila Nova na luta para entrar na zona de acesso à Série A
Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Quando entrar em campo nesta noite diante do Vila Nova, o Vasco terá uma situação inédita na Série B e incomum na temporada - o artilheiro Germán Cano está suspenso e desfalca a equipe após 23 jogos consecutivos.

Sete pontos separam Vasco e Vila Nova na classificação, sendo que o cruzmaltino está em 9º lugar, com 25, enquanto o alvirrubro tem 18 e ocupa a 14ª posição.

Vasco e Vila Nova se encontraram pela última vez em março de 2017, quando os cariocas venceram por 2 a 1 pela Copa do Brasil, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia.

Lisca busca sequência inédita

O substituto de Marcelo Cabo faz nesta rodada o sexto jogo à frente da equipe vascaína. Até agora foram três derrotas e duas vitórias, mas nenhum dos triunfos aconteceu de forma consecutiva. Como superou o Vitória por 1-0, se conseguir mais três pontos ele chega a esta marca inédita que inclusive pode fazer o clube subir para o G-4.

"Temos que sempre, acima de tudo, respeitar o nosso adversário. Sabemos das nossas qualidades, é claro, mas não existe jogo fácil na Série B. De qualquer forma, vamos tentar impor nosso ritmo, colocar em prática nossa estratégia, algo que não conseguimos contra o Vitória por conta das condições do gramado. Queremos o resultado positivo para entrarmos no G4", declarou o meio-campista Romulo.

Sem Romulo, Daniel Amorim deve assumir a posição no ataque ao lado de Morato. Contratado em maio, ele participou de oito jogos até agora e marcou dois gols. 

Provável escalação do Vasco: Vanderlei; Miranda, Ernando e Leandro Castan; Zeca, Bruno Gomes, Juninho, Marquinhos Gabriel e Léo Jabá; Morato e Daniel Amorim.

Vila Nova corre contra o tempo

Finalista do Campeonato Goiano, o alvirrubro ganhou apenas uma das últimas cinco partidas e perdeu três vezes. O clube também já trocou o treinador em 2021 - Wagner Lopes saiu e o interino Higo Magalhães assumiu em junho. Ele não terá Deivid e Pedro Bambu, lesionados, mas está confiante.

"Os atletas tiveram pouco descanso, ainda mais vindo de derrota, pois o desgaste é sempre maior, tanto mental como psicológico. Mesmo sabendo que o Vasco vai vir para cima, tentando imprimir um ritmo forte em casa, vamos tentar repetir nossas ações ofensivas e criar volume, como fizemos no jogo contra o Sampaio. Precisamos ter inteligência e característica de um time muito competitivo, rápido e vivo nas ações, esperamos ser felizes nas finalizações. É um time que está tomando poucos gols, mas vamos tentar explorar os pontos vulneráveis do adversário, pois toda equipe tem", declarou o técnico.

Provável escalação do Vila Nova: Georgemy; Rafael Donato, Xandão e Renato; Lucas Mazetti, Dudu, Arthur Rezende, Renan Mota e Willian Formiga; Alesson e Henan.

VAVEL Logo