Guarani bate Operário e se aproxima do G-4 da Série B
Foto: Divulgação/Guarani

O Guarani recebeu a equipe do Operário na noite desta terça-feira (24), no Brinco de Ouro, e venceu por 3 a 0, com gols de Lucão do Break, Júlio César e Alex Silva (contra).

Com os três pontos, os paulistas asseguraram a quinta colocação, com 33 pontos em 21 rodadas. É a mesma pontuação do Avaí, quarto colocado, que ainda joga na rodada.

Do outro lado, os paranaenses perderam boa chance de alcançar a terceira colocação, onde está o Goiás. A diferença entre as duas equipes é de três pontos, mas o Operário teria um vitória a mais. Com a derrota, o Fantasma permanece na oitava colocação, mas pode perder até três posições ao fim da rodada.

Operário assusta no início, mas Guarani domina primeira etapa

O Fantasma até que tentou começar a partida em cima. Logo aos cinco minutos, Paulo Sérgio cobrou ótima falta e levou muito perigo ao gol de Rafael Martins. A partir daí, o Bugre impôs seu ritmo e dominou a primeira etapa. Lucão do Break e Andrigo, ainda nos minutos iniciais, finalizaram bem e confirmaram o início de pressão. Aos 34 minutos, a melhor chance até ali: Júlio César chutou bem da entrada e quase marcou um belo gol.

A pressão resultou no primeiro gol da partida, já no fim da etapa inicial, aos 42 minutos, quando Leandro Vilela colocou a mão na bola dentro da área e o pênalti foi marcado. Na batida, Lucão do Break não desperdiçou e deixou o Bugre em vantagem no apito final.

Guarani não dá chances e mata jogo no início do segundo tempo

De olho nos três pontos e em uma posição mais próxima dos quatro primeiros, a equipe paulista começou a etapa complementar em um ritmo forte, marcando o segundo gol logo aos quatro minutos. Júlio César aproveitou rebote de Simão e ampliou o placar.

Tentando esboçar uma pressão, o Operário se lançou ao ataque, chegando algumas vezes com Rênie e Djalma Silva. A melhor chance foi aos 33, quando Alex Silva acertou bom chute e Mateus Ludke teve que salvar em cima da linha.

Apesar da pressão, quem balançou as redes foi novamente o Guarani, já nos acréscimos, quando Bidu recebeu na linha de fundo e cruzou pra trás. Alex Silva tentou tirar, mas acabou mandando contra a própria meta e dando números finais ao jogo.

Próximos compromissos das duas equipes

O Guarani agora tem 11 dias até a próxima partida, que será contra o Náutico, em Pernambuco, no sábado (4), às 16h30.

Já o Operário volta para Ponta Grossa, onde recebe o Vitória, também no sábado (4), mas às 11h.

VAVEL Logo