Náutico recebe Vitória buscando manter recuperação na Série B
Foto:Tiago Caldas/Divulgação/Náutico

Valendo pela 21ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, o Náutico recebe o Vitória no Estádio dos Aflitos às 16h deste domingo (29), buscando se recuperar e vencer sua segunda seguida na segundona.

O Náutico agora está na oitava posição, som 33 pontos, empatado com Guarani e Avaí, que estão logo acima. Já o Vitória está na 18ª colocação, com 19 pontos ganhos, dois abaixo do Londrina, primeiro time na zona de rebaixamento e cinco acima do Brasil de Pelotas, que é o vice-lanterna.

Para subir na tabela!

Após seis jogos sem vencer o Náutico voltou a conquistar três pontos na segunda divisão, quando visitou o CSA na última terça-feira (24). O placar foi mínimo, com gol de Vinícius na segunda etapa.

Para essa partida Marcelo Chamusca não poderá usar Djavan, que está suspenso para a partida. Além dele existem as dúvidas de Matheus Trindade e Caio Dantas, que estão na reta final de recuperação física e podem aparecer no banco de reservas.

Com isso a provável escalação do Náutico para a partida é: Alex Alves, Hereda, Camutanga, Rafael Ribeiro e Bryan; Marciel, Rhaldney e Jean Carlos; Tailson, Vinícius e Paiva.

Fugindo da C

Já o Vitória também vem de... vitória. Contra o Guarani no último sábado (21), o Leão venceu por 1 a 0, com gol de Anmerson, nos acréscimos da primeira etapa.

Para o confronto Wagner Lopes deve contar com retornos para a partida. Raul Prata havia sido poupado no último jogo e deve voltar, enquanto Thalisson também pode aparecer no banco de reservas.

Com isso a possível escalação do Vitória deve ser: Lucas Arcanjo, Raul Prata (Van), Wallace, Mateus Moraes e Roberto; Pablo Siles, Fernando Neto e Soares; Wesley, Marcinho e Samuel.

Arbitragem e transmissão

José Mendonça Silva Júnior apitará a partida, com o auxílio de João Fábio Machado Brischilari e Weber Felipe Silva. O VAR, que recém chegou à Série B, será comandado por Adriano Milczvski.

A partida terá transmissão da Globo para Pernambuco, Sergipe e Bahia, além da transmissão do Premiere no pay-per view.

VAVEL Logo