António Oliveira pede demissão e não é mais técnico do Athletico-PR
Foto: Divulgação/CAP

Fim da linha para António Oliveira. O técnico português pediu demissão do Athletico-PR nesta quinta-feira (9), um dia após a eliminação para o FC Cascavel no Campeonato Paranaense. A informação foi divulgada pela jornalista Nadja Mauad e confirmada pela VAVEL Brasil. O Furacão ainda não oficializou a saída do treinador.

A sequência de seis partidas sem vitórias no Brasileirão e a eliminação do estadual foram os fatores determinantes para que António Oliveira deixasse o Athletico-PR. O time é o nono colocado no Campeonato Brasileiro, 24 pontos, está na semifinal da Copa Sul-Americana e nas quartas de finais da Copa do Brasil.


Após a derrota de ontem, o treinador se reuniu com William Thomas, gerente executivo de futebol do Furacão. Na conversa, António Oliveira mencionou a falta de apoio do dirigente e do diretor de futebol Paulo Autuori na busca por reforços e decidiu entregar o cargo.

Foram 40 jogos no comando do Athletico-PR, com vinte e uma vitórias, sete empates e doze derrotas. No total, António Oliveira deixa o clube com 58% de aproveitamento.

VAVEL Logo