Em vantagem, Athletico recebe Peñarol na busca de nova final da Copa Sul-Americana
Foto: Divulgação/Athletico

Valendo pela volta da semifinal da Copa Sul-Americana, o Athletico Paranaense recebe na Arena da Baixada, em Curitiba/PR, o Peñarol, às 21h30 desta quinta-feira (30). Quem vencer estará na grande final, enfrentando o Bragantino, que passou pelo Libertad na última quarta (29).

Na ida, que aconteceu no Campeón del Siglo, na última quinta (23), teve vitória do Athletico por 2 a 1, com Terans abrindo o placar, Martínez empatando e Pedro Rocha fazendo o segundo e dando a vitória ao Furacão.

E por conta da quantidade de gols marcados como visitante ser critério de desempate na competição continental, o Athletico pode até perder por 1 a 0 que se classificará. Apenas o 2 a 1 leva a partida para os pênaltis. Quaisquer outras vitórias por um ou mais gols de diferença classificam o Peñarol. Empates e vitórias do Furacão classificam o Athletico.

Por mais uma final!

O Athletico busca ir para mais uma final de Copa Sul-Americana. Em 2018, nos pênaltis, o Furacão venceu o Junior Barranquilla por 4 a 3 após dois empates em 1 a 1.

E para isso o Athletico vem de vitória na última partida, conseguindo uma goleada para cima do Grêmio, por 4 a 2 em casa no último domingo (26). Pedro Rocha marcou duas vezes, com Kayser fazendo o terceiro. Thiago Santos descontou, Kayzer fez mais um e Vanderson fechou o placar em 4 a 2, descontando mais uma vez.

O Athletico tem dois desfalques para a partida: o zagueiro Lucas Halter e o atacante Matheus Babi. Ambos estão lesionados no departamento médico e voltam aos gramados apenas em 2022.

O provável time do Furacão para a partida deve contar com Santos, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Marcinho, Richard, Erick e Abner; David Terans, Nikão e Bissoli.

Em busca da virada

O Pentacampeão da Libertadores busca chegar na final para assim vencer a Copa Sul-Americana, título que o Peñarol nunca venceu e sequer chegou à final, podendo ser o primeiro time uruguaio a chegar em uma final.

E para tentar a virada o Peñarol vem sem desfalques e de goleada no último domingo (26), para cima do Boston River, por 5 a 2. Dávila abriu o placar para o River, enquanto Ariel Nahuelpán (2), Canobbio e Facundo Torres viraram e ampliaram. Labandeira descontou e Lozano, contra, fez o quinto do Peñarol.

Com força máxima, o possível time do Peñarol é: Dawson, Ramos, Kagelmacher, Rodréguez e González; Trinidade, Canobbio, Gargano, Ceppelini e Torres; Agustín Martínez.

Arbitragem e transmissão

Jesus Valenzuela apitará a partida, com os auxiliares Tulio Moreno e Lubin Torrealba. A partida terá transmissão exclusiva do canal de streaming Conmebol TV, além do tempo real aqui na VAVEL Brasil!

VAVEL Logo