Com brilho de Nacho, Atlético-MG vence Santos de virada no Mineirão
Foto: Pedro Souza / Atlético

Em partida válida pela 25ª rodada do Brasileirão, o Atlético-MG fez 3 a 1 no Santos nesta quarta-feira (13) no Mineirão. Com a vitória, o Galo manteve sua série invicta no Campeonato Brasileiro - são 18 jogos, 14 vitórias e quatro empates neste período.

Primeiro tempo amarrado

Apesar de ser dono da posse de bola no primeiro tempo, 58% no total, o Atlético não conseguiu impor seu ritmo de jogo e teve dificuldades de furar a marcação do Santos. A estratégia de Fábio Carille funcionava muito bem e o time da baixada buscava sair nos contra-ataques, porém sem êxito. 

Sem o atacante Hulk, o Atlético buscava encontrar espaços pelo meio, com Diego Costa e Zaracho se aproximando da área e finalizando, Diego que teve grande chance de gol após belo passe de Keno mas acabou desperdiçando. No primeiro tempo o Galo chutou cinco vezes ao gol, contra duas finalizações do Santos.

No Peixe, logo nos primeiros minutos o atacante Léo Baptistão precisou ser substituído após sentir uma lesão, Raniel entrou no lugar do camisa 9 santista. Apesar de mais velocidade, o Santos não conseguia encontrar seus homens de frente e consequentemente não incomodou o goleiro Everson. 

Segundo tempo recheado de gols

Na segunda etapa, Cuca colocou Nacho e Sasha, no lugar de Diego Costa e Dylan Borrero, para buscar mudar o jogo e vencer a defesa do Santos, porém, aos três minutos da segunda etapa, foi Raniel que abriu o placar para o Santos. Após belo contra-ataque, Lucas Braga encontrou o camisa 12 do Santos na entrada da área, Raniel girou bonito e guardou no cantinho do goleiro Everson. 

Após o gol, o técnico Cuca mais uma vez mudou a equipe, sacando o lateral Mariano e colocando o meia Calebe e Tchê Tchê no lugar de Jair. Após as mudanças, o Galo se manteve em cima do Santos e manteve o time inteiro no campo de ataque. Aos 24 minutos, em cobrança de escanteio, o árbitro Paulo Roberto Alves Junior, com auxílio do VAR, marcou pênalti em Calebe. A cobrança foi convertida por Nacho Fernández, inflamando a torcida. 

O Atlético, que no segundo tempo alcançou 60% de posse de bola, continuou pressionando e seis minutos depois do empate, o zagueiro Nathan Silva virou o placar e fez seu segundo gol com a camisa do Galo. 

O Santos sentiu a virada e não conseguia reagir às investidas do time da casa  e aos 36 minutos, novamente com ajuda do VAR, o árbitro marcou pênalti de Velásquez em cima do Calebe. Na cobrança, Nacho Fernández parou na defesa de João Paulo, mas de cabeça fez no rebote e fechou o placar.

O placar que fez jus aos números da partida e mostrou a superioridade do Atlético, principalmente no segundo tempo, após sair atrás no placar, na segunda etapa foram nove finalizações e ao final da partida, 500 passes trocados, com precisão de 87%.

Nacho Fernández marca duas vezes e muda o jogo

Após iniciar no banco, pela segunda partida consecutiva, Nacho Fernández novamente entrou no segundo tempo e muda a partida, como foi contra o Ceará na última rodada. Contra o Santos, o meio campo do Galo entrou no intervalo e participou dos três gols da virada, marcando duas vezes e dando a assistência para o gol do zagueiro Nathan Silva.

O camisa 26 do Galo alcançou hoje o seu décimo gol pela equipe e também sua décima assistência, são 41 jogos do argentino com a camisa do Atlético.

Classificação e próximos compromissos

Com  56 pontos, o Galo manteve sua vantagem de 11 pontos para o vice-líder Flamengo. Já o Santos, volta a tropeçar na competição e fica a um ponto da zona de rebaixamento, o time da baixada santista contou com derrota dos concorrentes diretos para se manter fora do Z-4.

Próximos jogos

Na próxima rodada, o Galo visita o Atlético Goianiense no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia. A partida é no próximo domingo (17) às 18:15 e é válida pela 26ª rodada do Brasileirão.

O Santos continua longe de seus domínios e viaja até Recife para enfrentar o Sport, também no domingo (17) às 20:30. A partida vale muito para as duas equipes que são concorrentes diretos para fugir da zona de rebaixamento, o Sport ocupa a 18ª colocação com 26 pontos, enquanto o Santos é o décimo sexto com 28 pontos conquistados.

VAVEL Logo