Com emoção: Neto Berola entra e comanda virada do Confiança contra Guarani
Foto: Thomaz Marostegan / Guarani

Com o time mandante brigando pelo acesso e os visitantes lutando para escapar do rebaixamento, Guarani e Confiança se enfrentaram nesta sexta-feira (22), às 19h, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas/SP. Com bola rolando teve muita emoção. O Bugre saiu vencendo com gol de pênalti de Bruno Sávio, Neto Berola empatou também de pênalti e Willians Santana, já nos acréscimos do segundo tempo, virou para o Dragão.

Escalação das equipes

O técnico Daniel Paulista mandou o Bugre a campo com três alterações em relação ao time que empatou com o CRB por 2 a 2 na rodada anterior. Os paulistas foram para o confronto num 4-2-3-1, com: Rafael Martins, Diogo Mateus, Thales, Ronaldo Alves e Bidu; Bruno Silva e Rodrigo Andrade; Bruno Sávio, Régis e Júlio César; Junior Todinho.

Reservas: Gabriel Mesquita, Mateus Ludke, Carlão, Luiz Gustavo, Eliel, Índio, Tony, Andrigo, Pablo, Allan Victor, Maxwell e Lucão do Break.

Já o treinador Luizinho Lopes fez também três mudanças em relação à escalação diante do Avaí onde os sergipanos venceram por 3 a 1 na rodada anterior. Sendo assim, o azulino foi a campo num 4-5-1, com: Rafael Santos, Jonathan Bocão, Nirley, Adalberto e Lucas Sampaio; Madison, Vinícius Barba, Rafael Vila, Álvaro e Ítalo Melo; Lohan.

Gols de pênalti, duas expulsões e virada

No início do jogo o Guarani jogou com a marcação bem alta, marcando a saída de bola do Confiança e forçando o erro de passe, dificultando que o time sergipano entrasse em uma zona cômoda do campo.

Porém, a partir dos dez minutos o Dragão conseguiu equilibrar a partida. Mesmo com a proposta mais defensiva, o Bugre pouco levou perigo ao goleiro Rafael Santos. A primeira chegada com perigosa aconteceu apenas aos 33 minutos em chute de Bruno Sávio para fora.

Se tratando de estratégia de jogo os visitantes foram melhores. Os mandantes até tiveram a posse de bola - muito em função também do estilo de jogo do adversário - mas praticamente não achou espaços na defesa azulina. A linha de cinco do meio-campo do Confiança fechou bem os espaços de ataque do Guarani em quase a primeira etapa inteira.

Quase. Em uma das poucas vezes que o espaço apareceu Madison cometeu pênalti bobo em Diogo Mateus ao dar o tranco nas costas do lateral do Bugre e o árbitro Rafael Traci marcou a infração. Bruno Sávio bateu com categoria e abriu o placar.

No segundo tempo o jogo voltou mais cômodo para o Guarani devido à vantagem obtida no fim da primeira etapa. O Confiança tentou ser mais ofensivo nos minutos iniciais com a entrada de Hernane Brocador no lugar de Lohan, mas faltou a bola rodar mais e passar pelos meias.

Para tentar dar ainda mais poder ofensivo Luizinho sacou Ítalo Melo para entrada de João Paulo, que entrou para jogar numa linha mais avançada invés da lateral como de costume. Aos 21 minutos o Dragão criou maiores esperanças depois de Bruno Sávio acertar uma cotovelada em Madison e receber o cartão vermelho depois do VAR chamar o lance para revisão.

Luizinho promoveu as entradas de Neto Berola e Willians Santana para dar mais velocidade pelos lados do campo. Mas, apesar da postura mais ofensiva e recuo do Bugre, poucas jogadas de perigo foram criadas por parte dos sergipanos. 

Aos 36 minutos ainda houve outra expulsão. Desta vez do zagueiro Thales, também do Guarani depois de receber o segundo amarelo no jogo. Já no fim, aos 43 minutos Neto Berola fez boa jogada individual e foi derrubado na área por Bruno Silva. Ele mesmo pegou a bola e converteu para empatar a partida.

Para coroar a ousadia nas substituições do treinador e a força de vontade em se recuperar na partida e na competição, o time azulino conseguiu virar o marcador. Neto Berola, mais uma vez, fez grande jogada individual e rolou para Willians Santana tocar para o fundo das redes e dar a vantagem no placar.

Classificação e próximos jogos

Com o resultado, o Guarani ficou na sétima posição, com 46 pontos ganhos na competição. Agora, os comandados de Daniel Paulista irão começar as preparações para encarar o Sampaio Corrêa na quinta-feira (28), às 19h, no estádio Castelão, em São Luís/MA.

Por outro lado, o Confiança ficou na 18ª colocação, com 31 pontos conquistados na Série B e agora precisa concentrar as atenções no confronto direto diante do Londrina que acontece no sábado (30), às 18h30, na Arena Batistão, em Aracaju/SE.

VAVEL Logo