Ceará perde para CRB nos pênaltis e dá adeus à Copa do Nordeste
Divulgação / CRB

O Ceará mais uma vez decepcionou a sua torcida e está eliminado da Copa do Nordeste 2022. Dessa vez o Alvinegro empatou no tempo normal e nas cobranças de pênaltis perdeu por 4 a 3 e com isso está fora da semifinal, é a segunda vez no ano que o time cearense caiu nas penalidades, a primeira foi no Campeonato Cearense. Já o CRB tem motivos para comemorar pois agora é o único alagoano vivo na competição e terá um duelo difícil contra o Sport na semifinal.

Show de gols perdidos pelo Ceará na primeira etapa

Com o apoio da torcida, o Vovô quis resolver a partida logo nos primeiros minutos, mas pecava nas finalizações. A primeira chance perdida veio logo no minuto inicial, em cobrança de falta de Vina, Luís Otávio saiu da marcação e cabeceou com perigo a meta do adversário. O CRB respondeu, Anselmo tabelou com o Rafael Longuine e o atacante de fora da área arriscou, o goleiro Richard fez uma defesa difícil e mandou para escanteio.

O Alvinegro de Porangabuçu continuou na pressão e os gols perdidos não paravam. Aos 17', Nino Paraíba recebeu na direita e cruzou para área encontrando o Fernando Sobral que dividiu com o goleiro e mandou para fora.

Quando não era a falta de pontaria aparecia Diogo Silva, Victor Luís cobrou no cantinho direito uma falta perigosa na direita, o goleiro defendeu em cima da linha e no rebote Lindoso mandou na trave. O CRB ainda tentou no contra-ataque com um chute de fora da área de Marcinho que o João Ricardo defendeu, mas o placar não se alterou nessa primeira etapa.

Vovô pressiona, mas para na defesa do CRB

O segundo tempo começou com o mesmo ritmo da etapa inicial, com o Alvinegro pressionando a saída de bola do adversário alagoano e perdendo chances de ouro para marcar. A primeira chance veio logo aos três minutos, dentro da área Vina recebeu na direita e fez um cruzamento na cabeça do Clebão, ele cabeceou firme e o Diogo Silva segurou a bola. O Vovô continuou tentando na bola parada, mas parava no goleiro que defendia com firmeza.

A partir daí o jogo ficou mais morno e os donos da casa não conseguia mais impor o seu ritmo de jogo, já o CRB se defendia e conseguia anular os ataques do adversário, tentando somente no contra-ataque. Com isso a última chance do tempo normal foi com o Ceará em cobrança de escanteio, onde o Messias cabeceou para fora, mas não teve jeito a decisão foi mesmo para as cobranças de pênaltis.

Ceará abre dois gols de vantagem, mas o Diogo Silva brilha e leva o CRB para a semi do Nordestão

Nas cobranças das penalidades João Ricardo defendeu a primeira cobrança e o Alselmo mandou longe, na segunda do Ceará, Diogo Silva começou a brilhar e defendeu a cobrança de Lindoso. A partir daí, Erick para o Vovô, Yago e Gum para os alagoanos converteram, mas na última cobrança para ficarem com a vaga Dentinho desperdiçou para os alvinegros e depois disso Diogo Silva e Zé Roberto cobraram bem.

Sobraram as cobranças alternadas, Raul Prata fez para o Galo e Nino Paraíba parou no herói Diogo Silva que classificou o CRB para a semi do Nordestão. Festa alagoana no Castelão e tristeza alvinegra com mais uma eliminação que agora terão que juntar os cacos e pensar só no Campeonato Brasileiro.

VAVEL Logo