América brilha no Independência e bate Juventude com goleada
Foto: Fernando Moreno/CBF/AGIF

Neste sábado (16), o América-MG venceu o Juventude no Independência por 2 a 0, em partida válida pela Série A do Campeonato Brasileiro. Iago Maidana (duas vezes), Felipe Azevedo e Pedrinho marcaram para o Coelho. Rômulo fez o único do time gaúcho em Belo Horizonte.

Coelho saiu da cartola

Um primeiro tempo bastante movimentado, que começou com mais perigo vindo dos visitantes, quase chegando ao gol logo no início, mas Jailson estava atento e segurou a bronca lá atrás.

Apesar do impedimento na cabeçada de Zé Ricardo, o Juventude continuou pressionando, a equipe estava muito bem e confiante, mas não conseguia balançar as redes. O gol visitante passou bem perto com Rafael Forster, mas Jailson mais uma vez salvou o time da casa.

A resposta americana surgiu com Paulinho Bóia, em um arremate de fora da área após um belíssimo contra-ataque. O atacante cortou o marcador para o meio e bateu, a bola passou rente a trave e foi pela linha de fundo.

Poucos minutos depois, Everaldo supera a marcação pela ponta direita, avança para área e rola para Paulinho Bóia, desmarcado dentro da área. O atacante dominou, cortou a marcação e foi derrubado. A arbitragem mandou seguir, mas após intervenção do VAR, foi marcada a penalidade máxima. Iago Maidana foi para a cobrança e converteu, com maestria, colocando o Coelho na frente. Poucos minutos depois, Everaldo teve a chance de aumentar, mas César cresceu e impediu o gol americano.

Com tanta pressão, não demorou tanto para os mandantes chegarem ao segundo. Felipe Azevedo conseguiu se desmarcar dentro da área na cobrança de escanteio e acertou um cabeceio no ângulo do goleiro, sem chances de defesa, aumentando a vantagem do Coelho na partida. O Juventude ainda teve uma ótima oportunidade com Capixaba, mas novamente Jailson apareceu para evitar o gol jaconero.

Chegando nos minutos finais, após entrada muito forte de Paulinho Moccelin em Zé Ricardo, arbitragem mostrou o amarelo. Contudo, a revisão foi solicitada e o árbitro chegou a olhar o vídeo. O juiz voltou atrás na decisão e assinalou vermelho direto para o jogador do Juventude. Essa foi a segunda expulsão do da equipe catarinense na temporada. A primeira foi com William Matheus, em clássico contra o Caxias.

Baile no Independência

A etapa final voltou em chamas, com América ainda querendo ampliar a vantagem, enquanto o Juventude — com a equipe modificada —tentava pelo menos empatar, com apenas 10 em campo. A primeira chance, no entanto, foi do Coelho. Patric recebeu, invadiu a área e bateu no meio do gol, colocando César para trabalhar logo cedo. A resposta do clube catarinense veio pouco depois, com Pitta, colocando o arqueiro americano para trabalhar.

Com a superioridade numérica e vantagem no placar, o América chegou mais vezes no início da segunda etapa, trabalhando bem a bola e aproveitando as brechas do adversário.

Patric em uma bela arrancada, achou Everaldo livre de marcação dentro da área, que finalizou com extremo perigo, mas não consegue balançar as redes. Poucos minutos mais tarde, em cobrança curta de escanteio, Everaldo lança na segunda trave e Iago Maidana aproveita a péssima saída do arqueiro gaúcho para fazer seu segundo gol na partida.

Com o amplo placar a favor, o América trabalhou mais a bola com tranquilidade, enquanto o Juventude buscava o gol de honra. Que acabou acontecendo. Após um belo cruzamento pela ponta esquerda, Rômulo antecipou a zaga adversária e cabeceou sozinho no contrapé do goleiro, que nada pôde fazer, diminuindo para os visitantes. O arqueiro americano ficou extremamente irritado com a falha da defesa.

A resposta do Coelho aconteceu pouco mais tarde, com Pedrinho, que viu a defesa se abrir próximo da intermediária e arriscou um foguete de fora da área. A bola fez a curva tirando do goleiro e foi morrer no fundo das redes, consagrando a goleada americana por 4 a 1. Esta foi a primeira vitória do Coelho em seis jogos.

Classificação e próximos compromissos

Com a vitória, o Coelho soma três pontos e pega o elevador para a quinta posição. O Juventude, com a derrota, fica com um ponto e cai para a 15ª colocação.

O América volta a campo na terça-feira (19), contra o CSA em Alagoas, às 19h, pela terceira fase da Copa do Brasil. No dia seguinte, Juventude enfrenta o São Paulo em Caxias do Sul, às 19h30.

VAVEL Logo