Mano lamenta confusão e crê que mexeu com psicológico do Inter
Reprodução / S.C. Internacional

Neste domingo (19), o Internacional recebeu o Botafogo em casa pela 13ª rodada do Brasileirão. O time foi derrotado por 3 a 2, de virada nos acréscimos.

Uma partida tumultuada, com diversas confusões e discussões entre jogadores. O jogo finalizou em porradaria entre os jogadores e comissões de ambos os times.

Em sua coletiva de imprensa, o técnico do Colorado indagou que a noite iniciou bem, com uma margem de 2 a 0 a favor e um atleta a mais em campo, mas que foi uma partida conturbada devido aos erros de arbitragem.

Mano lamentou sobre a virada, que poderia ter sido evitada, mas veio aos 56 minutos do segundo tempo:"A gente vinha bem no jogo, mesmo sofrendo um gol acidental, que foi ao 2 a 1, a gente até por ter um a mais, controlava bem as ações, me parece que aí foi o nosso grande pecado, não aproveitar aquele volume todo e a superioridade".

O treinador também acredita que os dois lados saíram de campo insatisfeitos, com razão e sem choro de perdedor, e com isso, gerando confusões ao longo da partida e principalmente, ao final dela, com jogadores de ambos os times se atacando fisicamente.

"Eu acho que essa confusão mexeu com a gente, tirou a tranquilidade da equipe", ressaltou Mano.

O técnico ressaltou que a partir de terça-feira o time irá trabalhar para vencer diante do time paranaense.

Próximo confronto

Agora, o Internacional recebe o Coritiba na próxima sexta-feira (24), às 21h30.

VAVEL Logo