Corinthians reage na etapa final e busca empate com Avaí na Ressacada
Foto: Frederico Tadeu/Avaí FC

Em duelo com dois tempos bem distintos, Avaí Corinthians ficaram no 1 a 1 pela 21ª rodada do Brasileirão 2022, na Ressacada, neste sábado (6). Bissoli, de pênalti, marcou seu décimo gol no campeonato, mas Balbuena, de cabeça, empatou a partida em Florianópolis. 

Avaí é melhor e sai na frente

O técnico Vítor Pereira promoveu seis mudanças em relação ao time derrotado pelo Flamengo na Libertadores e inclusive começou com o Corinthians postado no 5-3-2, com Lucas Piton mais recuado e Fábio Santos na zaga, o que foi alterado ainda no primeiro tempo, pela pouca produção alvinegra na Ressacada.

O Avaí terminou a primeira etapa com mais posse de bola (55%), mais finalizações (cinco a dois) e também maior aproveitamento de passes (87% a 72%). Com a iniciativa desde o começo, o Leão incomodou a saída do Corinthians e teve uma atuação segura, apesar de não ter um grande volume ofensivo.

A primeira chance clara veio aos 25, quando Bruno Silva avançou pelo meio e abriu para Pottker, que apareceu com espaço e chutou colocado, sobre o gol. Já aos 34, com o esquema de cinco do Corinthians na defesa já desfeito, após arrancada pela direita, Pottker invadiu a área, foi derrubado por Balbuena e o árbitro marcou pênalti, o décimo para o Avaí no Brasileirão. O artilheiro Bissoli foi para a bola, deslocou Cássio e abriu o placar em Floripa.

Com Giuliano pouquíssimo participativo e sem uma conexão entre os atacantes, o Corinthians até tentou avançar mais no fim da etapa final e conseguiu alguns escanteios, mas foi pouco para ameaçar o goleiro Vladimir.

Corinthians cresce e busca empate

Para a segunda etapa, Vítor Pereira colocou Yuri Alberto no lugar de Fábio Santos, recuou Lucas Piton para a defesa e o Corinthians dominou a segunda etapa, contando também com um recuo do Avaí.

Logo no primeiro minuto, Yuri Alberto recebeu de Roger Guedes na entrada da área e bateu cruzado, mas bola passou à esquerda do gol. Na segunda etapa, o Corinthians teve dez finalizações, contra apenas duas do Avaí, que também abusou da cera enquanto estava à frente do placar.

O Corinthians passou a pressionar na etapa final e chegou a balançar as redes aos 10, com Róger Guedes, mas o gol foi anulado por impedimento. Aos 20, foi a vez de Renato Augusto sair do banco e aumentar ainda mais a qualidade dos visitantes.

Acuado, o Avaí teve alguns contra-ataques, principalmente com Pottker e Cortez, desperdiçados por falta de companhia ou de erro de decisão. Eduardo Barroca abriu mão do esquema com três atacantes para colocar Lucas Ventura e o ex-corintiano Guerrero nas vagas de Muriqui e Bissoli, e o Leão continuou acuado e sem conseguir para a ofensiva do rival.

Aos 32, o empate saiu na bola parada, uma das deficiências do Avaí na competição. Após cobrança de escanteio de Renato Augusto, Balbuena desviou de cabeça e fez 1 a 1. Depois disso, o Leão abandonou sua postura defensiva e o jogo ficou aberto, mas o placar não se alterou.

Classificação e próximos compromissos

Com o empate, o Avaí, que não vence há quatro partidas, está na 16ª colocação do Brasileirão, com 22 pontos, dois acima do Cuiabá, que abre o Z-4, mas ainda joga na rodada. O Corinthians é o vice-líder, com 39.

O Avaí volta a campo no próximo sábado (13) contra o Goiás, fora de casa, às 16h30. No mesmo dia, o Corinthians tem clássico contra o Palmeiras, às 19h, na Neo Química Arena. Antes, o Timão visita o Flamengo na terça-feira (9), às 21h30, pelo jogo de volta das quartas da Libertadores 2022, precisando reverter uma desvantagem de 2 a 0.

VAVEL Logo