Com o Castelão lotado, Botafogo vence Fortaleza e se afasta do Z-4
Foto: Divulgação / Botafogo F.R

Estava tudo desenhado para uma festa do Fortaleza: casa cheia, apoio da torcida e homenagem para o ídolo Tinga. O Leão da Pici, porém, enfrentou um inspirado Botafogo e perdeu sua invencibilidade neste domingo (4). O Glorioso venceu o Tricolor por 3 a 1 e deu alívio na briga pelo rebaixamento, freando a ótima fase do adversário no Campeonato Brasileiro.

Sendo muito cirúrgico, o alvinegro abriu dois de vantagem na primeira etapa. com Carlos Eduardo marcando duas vezes. Já no segundo, Marçal fez um golaço, calando mais de 50 mil torcedores presentes na Arena Castelão. Moisés ainda descontou para o Tricolor, que antes perdeu um pênalti com Robson.

Carlos Eduardo decide e abre vantagem para o Bota

O jogo começou equilibrado com as duas equipes tentado intervir no ataque e a primeira oportunidade com perigo veio do Bota. Em bom cruzamento de Marçal pela esquerda, Carlos Eduardo se desvencilhou da defesa e cabeceou a queima roupa, então o Fernando Miguel fez uma defesa espetacular, no reflexo.

O Alvinegro carioca já tinha avisado antes e na segunda oportunidade meteu lá dentro. Em boa tabela, Jeffinho recebeu na esquerda e deu um passe rasteiro para a chegada de Carlos Eduardo, que bateu para o fundo das redes.

O Tricolor sentiu o gol tomado, pois depois o adversário ficou tranqüilo no jogo e poderia até ter ampliado. Aos 30 Tiquinho recebeu na meia lua e chutou cruzado, Fernando Miguel espalmou para escanteio. De tanto tentar o segundo tento foi anotado e sempre na jogada área. Em escanteio pela esquerda, Marçal levantou, Vitor Cuesta desviou no primeiro pau e Lucas Fernades apareceu para cabecear firme na meta

Nos momentos finais, o Fortaleza  teve apenas  uma cabeçada de Robson nas mãos do goleiro. Então os visitantes só seguraram o resultado e saiu em direção ao intervalo com uma importante vantagem.

Marçal faz um golaço e crava a vitória alvinegra

Precisando reagir no jogo, o treinador Vojvoda já começou trocando dois jogadores. Ele colocou o recém-contratado Pedro Rocha e a joia Hércules. Então logo no começo a revelação tricolor já meteu de peixinho para fora.

Pressionando mais, o Tricolor tinha nos seus pés a chance diminuir o prejuízo. Thiago Galhardo pegou na esquerda da grande área, tentou fintar e foi derrubado pelo goleiro - o árbitro não titubeou e marcou a penalidade. Na cobrança,  Robson tomou para si a responsabilidade, mas bateu a meia altura e o goleiro Gatito Fernandez defendeu e, no rebote de Hércules, o arqueiro botafoguense fez a defesa novamente.

Após o pênalti perdido os donos da casa se desarrumaram totalmente e o Glorioso confirmou o terceiro com direito a uma pintura. Marçal recebeu no setor direito e na meia lua, mandou colocado no canto esquerdo, sem chances para Fernando Miguel: 3 a 0.

O tempo foi passando e finalmente aos 26 o Tricolor descontou o marcador. Moisés tabelou com o Galhardo  e sozinho botou no cantinho do Gatito. Logo em seguida, quase o segundo em uma batida de Romero, onde novamente o goleiro do Fogão defendeu com uma das mãos.

O gol  deu um gás a mais ao time tricolor que ensaiou uma pressão final. Em uma dessas, o Galhardo foi acionado pela direita e tentou no cantinho e quase que Moisés pegava. No entanto, o Bota se segurou e ainda poderia ter aumentado se Junior Santos não tivesse desperdiçado uma batida na esquerda onde Fernando Miguel fez uma defesa sensacional. Diante disso, o Glorioso só esperou a apito final para comemorar os três pontos importantíssimo na briga pela zona de rebaixamento.

Sequência

Com o resultado negativo, o Fortaleza estaciona na 12ª colocação com 30 pontos. Agora, o Leão precisa esquecer essa derrota e foca no duelo contra o Fluminense, fora de casa, no próximo sábado (10).

Do outro lado, o Botafogo subiu para a 13º posição e  igualou a pontuação do adversário. O compromisso seguinte será contra o América-MG, no Engenhão, na manhã do domingo (11).

VAVEL Logo