CSA reage com um a menos e evita derrota no clássico contra CRB
Morgana Oliveira | CSA 

Na tarde deste sábado (10) o clássico entre CSA e CRB terminou empatado por 1 a 1, pela 29ª rodada da Série B, no Rei Pelé, em Maceió. Os regatianos abriram o placar no primeiro tempo, com Rafael Longuine, mas os azulinos com um a menos, foram buscar o empate aos 35 da etapa final, com Lucas Barcelos.

CRB na frente

O jogo se iniciou truncado e sem perigos até os 23. Mas, numa escapada pela direita, Lucas Barcelos cruzou com vontade, e de coxa, Lourenço finalizou, mas o goleiro do CRB encaixou.

Aos 33, Longuine acionou Paulinho Moccelin na área do CSA, mas ele demorou muito e facilitou a vida de Lucão. Na sequência da jogada, Raul Prata cruzou da direita, Emerson não tocou e, na área, Longuine virou para fazer um belo gol, abrindo o placar para o CRB.

Reação azulina

O jogo recomeçou no Rei Pelé, e nos primeiros minutos, Juninho Valoura jogou na área do CSA, Gum cabeceou e acertou o travessão, dando um susto no goleiro Marcelo Carné.

Na sequência a situação do CSA ficou ainda mais complicada, Diego Renan acertou Emerson Negueba na panturrilha, e o VAR chamou o árbitro Bruno Arleu. Ele foi para o monitor e expulsou o lateral.

Aos 18, Valoura tocou voltando para Anselmo Ramon, que, livre, finalizou em cima do goleiro do CSA e perdeu ótima chance para o CRB. Na sequência aos 35, o azulinho deu a resposta. Lucas Barcelos fez um cruzamento com muito efeito, a defesa e o goleiro regatiano não pegaram o lance e a bola morreu no fundo do gol: 1 a 1.

Classificação

O CRB se mantém na oitava colocação no Brasileiro, agora com 40 pontos e perde a chance de ficar a três do G-4. Já o CSA, por sua vez, soma agora 32 pontos e sobe para o 15° lugar.

Próximos compromissos

Na próxima rodada da Série B, os times alagoanos jogam no sábado (17). Às 11h, o CSA encara a Chapecoense na Arena Condá, em mais um confronto direto na luta contra o Z-4. Já às 20h30, o CRB recebe o líder Cruzeiro no Rei Pelé.

VAVEL Logo