Cruzeiro quebra sequência ruim com goleada e complica Novorizontino na Série B
Foto: Staff Images/Cruzeiro

O campeão Cruzeiro reencontrou o caminho da vitória ao bater o Novorizontino, por 4 a 1, no Estádio Jorge Ismael de Biasi, pela 37ª rodada da Série B. A Raposa voltou a ganhar depois de quatro jogos e contou com gols de Pedro Castro, Willian Oliveira, Bidu e Jajá. Danielzinho fez o tento de honra logo no início da etapa inicial.

Raposa sai atrás, mas encontra o empate

Com a vida complicada depois do empate contra o Brusque e a vitória do CSA, o Tigre do Vale precisou partir para cima e ocasionou perigo à meta celeste. Bruno Costa arriscou de fora da área, Gabriel Mesquita, substituto do suspenso Rafael Cabral, colocou para escanteio. A pressão por conta da tabela de classificação originou o gol cedo, aos dois minutos. Danielzinho finalizou de longe, com efeito e foi premiado ao acertar o canto esquerdo. O time estrelado não se intimidou e começou a dar respostas com Luvannor e Lucas Oliveira. Nada que assustasse Lucas Pereira. Porém, nada pôde fazer quando Pedro Castro aproveitou escorada de Cipriano na segunda trave para deixar tudo igual. 

O Cruzeiro passou a dominar o jogo, passou a controlar a bola e a cercar os mandantes. Aos 26, Willian Oliveira recebeu na entrada da área e mandou com efeito para o fundo do gol. O Novorizontino mal conseguia mostrar o pique nos minutos iniciais. Nos acréscimos, o árbitro analisou na cabine possível pênalti, em jogada de Lucas Oliveira e Bruno Costa, mas não marcou nada por conta do impedimento. 

Foto: Staff Images/Cruzeiro
Foto: Staff Images/Cruzeiro

Triunfo confirmado 

De imediato, a primeira impressão era a similaridade no início dos tempos. O Novorizontino mostrando o seu cartão de mandante. Douglas Baggio resolveu testar Gabriel Mesquita, que não agarrou e precisou reagir prontamente. A pressão não perdurou e, com isso, veio a virada imediata. Bidu foi colocado para correr por Rodolfo e bateu cruzado, não dando chances ao goleiro. Por conta da situação, Mazola Júnior foi obrigado a dar um gás e mexer no time. Rômulo, um dos que saíram no banco, cobrou falta em direção ao gol e carimbou o poste. O já campeão reagiu, respondendo com bola na rede. Jajá troca passes com Luvannor, que devolve na risca da pequena área para o camisa 18 chegar escorando. 

Aos 32, a bola ficou viva na área após cobrança de escanteio. Ramón Martínez teve a grande chance de diminuir a diferença, mas pegou muito mal e desperdiçou a oportunidade. Em outra oportunidade, a estrela de Gabriel Mesquita resplandeceu. Danielzinho foi lançado por Quirino, chutou e o goleiro segurou em cima da linha. Jajá tentou aumentar a vantagem na reta final, mas parou na boa defesa de Lucas Pereira.

Como fica

O Cruzeiro aumentou sua vantagem para 75 pontos. Já o Novorizontino segue em 17º, dentro da zona de rebaixamento, com 41, dois de diferença para o CSA. 

O que vem por aí

Ambos os times voltam a entrar em campo no domingo (6), às 18h30 (de Brasília), a Raposa irá receber a taça na última rodada da competição, e vai enfrentar, justamente, o CSA, no Mineirão, enquanto o Tigre visita o Operário-PR, no Germano Krüger.

VAVEL Logo