Daniel Alves elogia jogo do Brasil e vê lado positivo em derrota para Camarões: "Bom que aconteça essas coisas"
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Caiu a invencibilidade do Brasil. A Seleção Brasileira foi derrotada nesta sexta-feira (2), para Camarões, por 1 a 0, na última rodada da fase de grupos. Apesar do gol de Aboubakar ter deixado um gosto amargo nos brasileiros, a Canarinho passou em primeiro e enfrentará a Coreia do Sul nas oitavas de final.

Na saída de campo, o capitão Daniel Alves deu as caras e falou sobre o sentimento de derrota, mas elogiou a atuação do Brasil, que jogou bem contra Camarões, porém foi derrotado.

"Acho que é um pouco de atenção pra gente se alertar que não existe rival fraco. Todos os rivais estão jogando alguma coisa e fica essa lição de estar ligados todo o jogo, mas no final você sai daqui com a sensação de que escapou um belo dia pra gente que não estava jogando tanto. Fica a lição, tem que aprender, se reinventar. Agora começa a fase que não pode errar", disse o lateral-direito.

Dani Alves reforçou ainda que a margem de erros acabou. O Brasil perdeu o único jogo que podia na Copa do Mundo e ratificou que foi bom ter perdido para que o time esteja alerta:

"Agora não tem margem pra erro. É bom que aconteça essas coisas nesses momentos pra alertar, porque a partir de agora é briga por espaços e centímetros dentro de campo para que não aconteça o que aconteceu hoje."

Fabinho afirma que Brasil deveria ter matado o jogo quando teve a chance

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Brasil jogou bem melhor do que Camarões, mas não conseguiu acertar nas finalizações. Ao todo, foram 21 chutes da Seleção Brasileira, sendo 7 ao gol, contra apenas 7 chutes de Camarões (3 no gol).

Aboubakar, entretanto, foi feliz na cabeçada e colocou a bola no fundo das redes. Fabinho exaltou o desempenho e falou sobre a lição que o jogo deixa.

"A gente vai terminar em primeiro lugar, jogar os três jogos bem e fizemos isso. O jogo de hoje era perigoso, os jogadores deles são bons, jogamos melhor, mas jogos assim são perigosos. O adversário só precisa de uma chance pra complicar o jogo e foi o que aconteceu. Infelizmente perdemos, é uma derrota que não vai nos eliminar, mas é uma lição que fica", disse o volante.

E completou: "Competições assim você tem que matar o jogo, jogar bem e matar. A gente não esperava ter essa derrota, mas já que aconteceu vamos pensar nisso e ser mais realistas na frente."

Suíça passa pela Sérvia e vai enfrentar Portugal nas oitavas

No outro jogo do grupo G, a Suíça encarou a Sérvia em um jogão, venceu de virada por 3 a 2 e se classificou. Agora, a seleção europeia vai bater de frente com Portugal no mata-mata da Copa do Mundo 2022.

O drama, entretanto foi grande. Isso porque os suíços precisavam de apenas um gol para igualar em saldo com o Brasil e poderiam ter se classificado em primeiro.

O Brasil volta a campo na segunda-feira (5), às 16h, para encarar a Coreia do Sul pelas oitavas de final da Copa do Mundo 2022.

VAVEL Logo