O Palmeiras venceu, na noite deste sábado (04), o Athletico-PR por 1 a 0 pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Barueri. Após a vitória, o técnico Abel Ferreira foi questionado pelo repórter Pedro Cunha, da VAVEL Brasil, sobre seus recém-completos três anos de Palmeiras.

"Muitos cabelos brancos, exames feitos… Tive períodos difíceis, de saúde mesmo. Física e mental. Falei nisso no último jogo, e as pessoas não querem saber disso. Resta a mim pensar muito bem o que eu quero, porque aqui o futebol não dá saúde a ninguém. Se vocês têm dúvidas, olhem para mim agora e há três anos. Alguma coisa vai ter que mudar", afirmou.

"Consegue ver a quantidade de cabelos e barba branca que tenho? Consegue ver? Não imaginava que treinar na América do Sul era tão desgastante, mas imaginava que queria treinar um clube grande. Quando surgiu o convite, não hesitei. Palmeiras tem história, torcida, jogadores e recursos. Juntou-se a competência da equipe técnica com a audácia. Ficamos admirados com a organização do clube", concluiu.

O comandante também destacou a importância do lado mental para seguir na luta por mais um título brasileiro.

"Vai (pesar a questão psicológica), porque é assim que funciona. Quem já ganhou títulos, pontos corridos, sabe como funciona. Agora, não sei quem vai ganhar no fim. O Grêmio também está chegando, tem o Bragantino. O Botafogo ainda é o que está em melhores condições, se for ver pelas probabilidades. Eu também já disse: o Botafogo realmente tinha uma vantagem para poder perder ali ou aqui. E continua tendo essa vantagem. Mas vamos fazer nosso jogo", finalizou.

Com a vitória conquistada na noite deste sábado (04) diante do Athletico-PR, o Palmeiras chegou a marca dos 59 pontos, igualando o líder Botafogo. O Verdão, no entanto, segue na vice-liderança pelos críterios de desempate e aguarda o resultado do clássico entre Vasco e Fogão para saber de fato sua condição na tabela.

Lutando pelo 12° título do Campeonato Brasileiro, o segundo consecutivo, o Palmeiras volta a campo nesta quarta-feira (08) diante do Flamengo, no Maracanã, às 21h30.

VAVEL Logo
Sobre o autor