Santos lidera Seleção VAVEL do Campeonato Paulista 2016

Com nomes em todos setores do campo, Peixe domina melhores do torneio, seguidos por corinthianos e destaque do Audax

Santos lidera Seleção VAVEL do Campeonato Paulista 2016
Santos lidera Seleção VAVEL do Campeonato Paulista 2016

O torneio estadual mais disputado e equilibrado do Brasil chega ao seu final trazendo boas surpresas, novos nomes para o futebol brasileiro e velhas tradições. Após 15 longas rodadas de classificação, o mata-mata chegou trazendo os grandes contra pequenos e no final de tudo, um intruso na decisão.

Tirando São Paulo e Corinthians, o Audax foi a grata surpresa do Paulistão 2016, mostrando uma filosofia de futebol bem específica, treinada e dando frutos. Comandados por Fernando Diniz, o time de Osasco trouxe algo novo, surpreendendo muito, chegando em sua primeira final. Do outro lado, nenhuma surpresa. Isso porque o Santos chegou em sua oitava final seguida, e levantou o segundo título seguido na Vila Belmiro, ao vencer o rival da Grande São Paulo por 1 a 0. Ricardo Oliveira decidiu em partida equilibrada e com drama santista no final.

E como sempre fazemos ao fim de uma competição, os melhores são eleitos para a Seleção VAVEL do Campeonato Paulista 2016. Mesclando experiência e juventude, os 11 eleitos formam uma boa equipe. No esquema 4-3-3, o campeão Santos colocou o maior número de jogadores, quatro, além do Melhor Jogador e Revelação.

O Corinthians e o São Paulo, com dois nomes cada, foram os outros que colocaram mais de um jogador na lista. Fecham a seleção Palmeiras, Audax e Linense, mas o vice-campeão teve o Melhor Treinador, fazendo a diferença.

A Seleção VAVEL do Campeonato Paulista 2016 tem Vanderlei; Fágner, Felipe, Maicon, Zeca; Camacho, Lucas Lima, Ganso; Gabriel, Willian Pottker, Alecsandro. Técnico: Fernando Diniz; Craque do Campeonato: Lucas Lima;  Revelação: Vitor Bueno.

SELEÇÃO VAVEL DO CAMPEONATO PAULISTA 2016
Vanderlei (Santos)
Fágner (Corinthians)         Felipe (Corinthians)                     Maicon (São Paulo)            Zeca (Santos)
Camacho (Audax)
                       Ganso (São Paulo)                                                                Lucas Lima (Santos)
 Gabriel (Santos)                                          Alecsandro (Palmeiras)                            Pottker (Linense)
Tec: Fernando Diniz (Audax)

Craque do Campeonato: Lucas Lima (Santos)

O páreo foi duro para o meio do Peixe. Disputando contra o regular e decisivo Fágner, além do surpreendente e evoluído Camacho, o que pesou para Lucas foi o poder de decidir em clássicos e na reta final do campeonato. Com passes mágicos, visão incomum de jogo e comando do meio campo, Lucas Lima foi o camisa 10 do Paulistão.

Revelação do Paulistão Vitor Bueno (Santos)

O garoto tem apenas 21 anos, mas mostrou enorme personalidade ao aparecer e crescer no mata-mata, ao decidir contra o São Bento, além de ter marcados dois dos mais belos gols do Paulista, com um três dedos na gaveta contra o São Bento, além de uma arrancada pelo meio finalizada com uma cavadinha cheia de marra contra o Capivariano. Mais uma revelação santista.

Técnico Fernando Diniz (Audax)

Com estilo cadenciado, paciente, correndo riscos enormes, mas sem fugir do que propõe, Fernando Diniz eliminou São Paulo e Corinthians, além de incomodar o Santos na decisão. O jeito parecido com o tik-taka do Barcelona pode não dar certo nos grandes times do país, mas ele merece ao menos uma chance com certo tempo.