Presidente da Conmebol garante Brasil como sede da Copa América de 2019

Após acordo para que o Chile fosse sede em 2015, competição chega ao "país do futebol" em 2019

Presidente da Conmebol garante Brasil como sede da Copa América de 2019
Foto: Divulgação/Conmebol

Mais uma grande evento foi confirmado para o Brasil. Às portas de sediar os Jogos Olímpicos Rio 2016, que se iniciam em agosto, e após ter recebido a última edição da Copa do Mundo da Fifa em 2014, o Brasil será sede da Copa América 2019. A confirmação foi feita por Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol, em entrevista ao site oficial da entidade.

O Brasil iria receber a competição em 2015, mas devido a Copa do Mundo e a Olimpíada, realizou um acordo com o Chile e fez uma troca com o país sul-americano. Os chilenos sediariam a Copa América de 2015, vencida pelos anfitriões, e o Brasil ficaria encarregado da 46ª edição, em 2019.

Domínguez se mostrou bastante satisfeito com o espetáculo das torcidas de diferentes países nas arquibancadas norte-americanas e apostou que assim acontecerá também na próxima edição da Copa América, no Brasil, em 2019. "Creio que até agora, as pessoas estão participando e está lindo, como foi lindo no Chile no ano passado e como vai ser o Brasil em 2019."

O Brasil possui oito títulos da Copa América (1919, 1922, 1949, 1989, 1997, 1999, 2004 e 2007) e é o terceiro maior campeão, atrás de Argentina, com 14, e Uruguai, com 15. O torneio será o quinto sediado no Brasil desde 1916. As anteriores foram disputadas em 1919, 1922, 1949 e 1989, todas vencidas pelos anfitriões.

Em 2007, última vez que levou o título, a seleção canarinho venceu a Argentina por 3 a 0, com gols de Júlio Baptista, Ayala (contra) e Daniel Alves, em torneio realizado na Venezuela. Vale lembrar que a sede da Copa América é decidida em um esquema de rodízio entre os 10 filiados da Conmebol desde 1987.