Com pouca inspiração, Juventude e Paysandu empatam no jogo de ida pela Copa do Brasil

Juventude foi melhor no primeiro tempo e deixou Paysandu crescer no segundo, mas equipes não saíram do zero; Elias, goleiro do Juventude foi o destaque do jogo

Com pouca inspiração, Juventude e Paysandu empatam no jogo de ida pela Copa do Brasil
(Foto: Divulgação / EC Juventude)
JUVENTUDE
0 0
PAYSANDU
JUVENTUDE: ELIAS; CARLINHOS MIRANDA, NEGUETE, KLAUS E PARÁ; WANDERSON (BRUNINHO), VACARIA, LUCAS (SANUNDUVA), WALLACER (JEFERSON) E FELIPE LIMA; HUGO – TÉCNICO: ANTÔNIO CARLOS ZAGO
PAYSANDU: EMERSON; RONIERY, FERNANDO LOMBARDI, GILVAN E LUCAS; DOMINGUES, AUGUSTO RECIFE, RAFAEL COSTA E HILTINHO (RUAN); LEANDRO CEARENSE (CELSINHO) E FABINHO ALVES – TÉCNICO: GILMAR DAL POZZO
Placar: 0-0
ÁRBITRO: RAFAEL TRACI (PR), AUXILIADO POR NEUZA INES BACK (SC) E NADINE SCHRAMM CAMARA BASTOS (SC).
INCIDENCIAS: JOGO DE IDA DA TERCEIRA FASE DA COPA DO BRASIL, REALIZADAO NO ESTÁDIO ALFREDO JACONI, EM CAXIAS DO SUL

O Juventude recebeu o Paysandu no estádio Alfredo Jaconi na noite desta quarta-feira (20), em partida válida pelo primeiro jogo da terceira fase da Copa do Brasil. Na noite fria de Caxias do Sul, cada equipe foi melhor em uma etapa do jogo. Os donos da casa tiveram as melhores oportunidades no primeiro tempo e viram o Papão crescer no segundo. Mesmo assim as equipes não saíram do 0 a 0 e a decisão ficou para o segundo jogo na semana que vem em Belém.

Juventude melhor no primeiro tempo

O primeiro tempo foi de jogo disputado com muitas trocas de passes no meio de campo com poucas chances de gols para os dois lados. Os donos da casa tiveram as melhores chances, chegando mais ao ataque do que a equipe Paraense.

Logo a 1 minuto de jogo, o meia Wallacer, do Juventude, cruzou rasteiro na entrada da área e Hugo tentou a  finalização, mas pegou de raspão na bola, que saiu pela linha de fundo sem levar perigo ao Papão. As chances do Paysandu foram criadas em contra-ataques e bolas levantadas na área do Juventude.

O primeiro tempo também foi muito pegado com faltas para os dois lados, além de um cartão amarelo para cada equipe. Aos 17 minutos, outra boa chance para o Ju abrir o placar, após Felipe Lima cruzar a bola na área, a defesa do Paysandu afastou mal e Lucas chutou com força para boa defesa do goleiro Elias, mandando a bola para escanteio.

Em resposta ao lance do Juventude, aos 19 minutos o Paysandu mandou uma bola na trave após o cabeceio do zagueiro Fernando Lombardi, assustando o goleiro Elias. O Paysandu errou muitos passes no meio de campo possibilitando o contra ataque do Juventude. Hugo, do Juventude ainda cabeceou uma bola pela linha de fundo aos 33 minutos.

Paysandu melhora e tem as principais chances do segundo tempo

No segundo tempo parecia que os Paraenses jogavam em casa, tendo as principais chances do jogo e obrigando o goleiro Elias, do Juventude, a fazer grandes defesas.

Após uma tentativa de prassão do Juventude, o Papão escapou em um contra ataque com Lucas, que cruza na área e Leandro Cearense bate de primeira no canto direito, fazendo com que o goleiro do Juventude se esticasse para fazer a defesa. Antes disso a defesa do Periquito já havia se atrapalhado e deixado Fabinho Alves cara a cara com o goleiro, porém o atacante do Paysandu chutou em cima de Elias.

O Juventude só melhorou  um pouco após a entrada de Bruninho, que conseguiu segurar a bola no campo de ataque e cavar algumas faltas, que foram mal aproveitadas pelo Ju.

Novamente, aos 16 minutos, Fabinho Alves chegou pelo lado esquerdo e chutou forte de fora da área, outra boa defesa do goleiro do Juventude.

Aos 22 minutos, Lucas do Paysandu errou na saída de jogo e a bola sobrou para Lucas, do Juventude, que cruzou rasteiro na área buscando Wallacer, que isolou a bola por cima do gol. Após essa jogada a equipe do Pará teve pelo menos três chegadas no ataque e não conseguiu aproveitar.

Nos minutos finais, o Juventude tentou colocar uma pressão sobre o Paysandu, mas não teve muito sucesso. Assim sendo, Elias foi o destaque da partida, garantindo o empate do Juventude em casa.

O jogo de volta será disputado na próxima quarta-feira (27), às 19h30 no estádio Curuzu em Belém, PA. Quem vencer a partida avançará de fase. Empate em 0 a 0 leva a partida para os pênaltis e empate com gols classifica a equipe gaúcha.