Em jogo marcado por confusões e cartões vermelhos, ABC vence Botafogo-SP e retorna à Série B

Mais Querido venceu time de Ribeirão Preto no Frasqueirão lotado por 1 a 0 e conseguiu retornar à Segundona do Campeonato Brasileiro um ano após a queda

Em jogo marcado por confusões e cartões vermelhos, ABC vence Botafogo-SP e retorna à Série B
Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil
ABC
1 0
Botafogo-SP
ABC: Edson; Felipe Souza (Gabriel), Gustavo Bastos, Cleiton e Márcio Passos; Anderson Pedra (Caio Mancha), Guedes, Erivelton e Lúcio Flávio (Echeverria); Nando e Jones Carioca.
Botafogo-SP: Neneca; Daniel Borges, Filipe, Matheus Mancini e Diego Pituca; Rodrigo Thiesen (Mirita), Derli (Diogo Campos), Guly e Zotti; Serginho e Tiago Marques (Isac).
Placar: 1-0, min. 54, Erivélton .
ÁRBITRO: Braulio da Silva Machado (Santa Catarina). CARTÕES AMARELOS: Anderson Pedra (MIN. 25), Filipi Souza (MIN. 70), Guly. (MIN. 78). Caio Mancha (min. 82). Isac (min. 82). CARTÕES VERMELHOS: Felipe (Intervalo), Nando (Intervalo), Isac (Min. 87).
INCIDENCIAS: PARTIDA VÁLIDA PELA VOLTA DAS QUARTAS DE FINAIS DA SÉRIE C DO CAMPEONATO BRASILEIRO, REALIZADO NO FRASQUEIRÃO, EM NATAL.

Dia de festa em Natal para a torcida do ABC. Um ano após cair para a Série C do Campeonato Brasileiro, o clube potiguar garantiu seu retorno para série B nessa sexta-feira (7), após vencer o Botafogo-SP por 1 a 0, com gol de Elivélton, no Frasqueirão, em Natal.

Como o primeiro jogo em Ribeirão Preto acabou 0 a 0, a vitória do ABC pelo placar minímo foi o suficiente para a equipe ser a primeira a carimbar o passaporte para a Série B em 2017. Agora, o time potiguar espera o vencedor do confronto entre Guarani e ASA para as semifinais.

Primeiro tempo quente em Natal

A primeira etapa foi bem disputada na capital potiguar. Aos nove minutos o Botafogo chegou primeiro na partida. Serginho mandou a bola na área e Tiago Marques dividiu com Edson e quase marcou o primeiro gol do jogo.

O time da casa que contava com um Frasqueirão lotado a seu favor, foi para cima. Aos 28 a primeira chance real do ABC. Lúcio Flávio cobrou escanteio na área, a bola sobrou para Cleiton que errou o chute e perdeu boa chance.

O jogo seguiu equilibrado e truncado durante todo o primeiro tempo. Aos 45, Erivélton balançou as redes, mas o gol não valeu já que o bandeirinha anotou impedimento do atacante. Aos 47, Daniel Borges teve a chance de aplicar o placar, mas após limpar Edson acabou finalizando para fora.

Intervalo teve confusão entre jogadores (Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil)
Intervalo teve confusão entre jogadores (Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil)

Após o apito do juiz, os dois times acabaram se estranhando na saída de campo, e na confusão acabaram Filipe, do Botafogo e Nando, do ABC, expulsos de campo.

Erivélton, o herói do acesso

Na segunda etapa o ABC voltou bem mais ligado na partida, e acabou colhendo os frutos disso. Aos nove minutos, Erivélton recebeu de Gustavo Bastos, matou no peito e tocou na saída de Neneca para inaugurar o placar no Frasqueirão para festa da torcida potiguar.

Erivelton comemora gol do acesso (Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil)
Erivelton comemora gol do acesso (Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil)

Em desvantagem no placar, o Botafogo-SP se mandou para o ataque em busca do empate que lhe daria a classificação. Aos 13 minutos, Zotti serviu Serginho que finalizou no canto para grande defesa de Edson.

Aos 17 foi a vez de Thiago Marques sair na cara com Edson, mas parou no goleiro potiguar, após bom passe de Guly. O Botafogo era todo ataque, e deixava espaços para o contra-ataque do ABC.

Com a classificação na mão, Geninho fechou o time e dificultou ainda mais as investidas do Botafogo, que perdeu Isac expulso no fim do jogo após confusão na área potiguar. Com o resultado o ABC retorna para a Série B do Brasileiro, enquanto que o Botafogo terá que esperar até o ano que vem para tentar voltar à divisão que não disputa desde 2003.