Marcelo Cabo prega tranquilidade e critica arbitragem em Recife: "Foi um absurdo"

Treinador do Atlético Goianiense desabafou em cima da arbitragem de Célio Amorim na derrota para o Náutico na Arena Pernambuco

Marcelo Cabo prega tranquilidade e critica arbitragem em Recife: "Foi um absurdo"
Marcelo Cabo reclama de arbitragem após derrota para o Náutico. (Foto: Ney Gusmão/VAVEL Brasil)

Um duro desabafo do treinador do Dragão aconteceu após o jogo contra o Náutico, na Arena Pernambuco. Depois do apito final que determinou a vitória da equipe do Timbu por 2 a 1 em cima do Atlético Goianiense pela 33ª rodada da Série B, o treinador Marcelo Cabo demonstrou seu descontentamento diante da arbitragem de Célio Amorim, o juiz da partida.

De acordo com o comandante rubro-negro, a quantidade de cartões distribuídas em cima dos jogadores do Atlético Goianiense foram sem critério e  prejudicial para a equipe: “Vocês viram os cartões, sem critério, uma coisa absurda, foi um absurdo. Os jogadores do Náutico se atirando. Os critérios do árbitro foram confusos, mas vou ser repetitivo se ficar falando”, afirmou.

Marcelo Cabo ressaltou que a arbitragem em Pernambuco não só o deixou frustrado, mas os jogadores também. Além disso, ele afirma já ter conhecido o modo em que o árbitro catarinense, Célio Amorim, apita as partidas.

“Todos (os jogadores) saíram revoltados com o árbitro, foram unânimes. Além de planejamento tático, você tem que acalmar os jogadores por conta da arbitragem. Eu trabalhei em Santa Catarina e conheço o Célio, sei como ele apita, ele usou critérios que prejudicaram bastante o Atlético, nos minou no primeiro tempo”, afirmou o treinador.

Mesmo com seu profundo descontentamento com a arbitragem, Marcelo Cabo parabenizou o Náutico pela vitória e quer tranquilidade da sua equipe para o clássico contra o Goiás, no próximo sábado (5), no Serra Dourada.

“Tenho que parabenizar o Náutico pela vitória. A gente traçou o segundo tempo no vestiário e tomamos um gol no rebote de um escanteio. Demoramos um pouco a remontar a partida, conseguimos o 2x1, mas já era tarde. Temos que ter tranquilidade, estamos no caminho certo. A torcida tem que ficar tranquila e comparecer ao máximo no sábado”, completou.