Após marcar 5 vezes em 8 jogos, Daniel Bueno sonha em fazer história no São Caetano

Atacante do Azulão vem se destacando na Copa Paulista mesmo saindo do banco de reservas, e espera uma chance de titular

Após marcar 5 vezes em 8 jogos, Daniel Bueno sonha em fazer história no São Caetano
Foto: Divulgação/AD São Caetano

O São Caetano vem conquistando importantes pontos graças a um jogador que vem marcando sempre que entra no decorrer das partidas. O novo 12° atleta do técnico Luís Carlos Martins na Copa Paulista, vem sendo o atacante Daniel Bueno, autor de cinco gols em oito partidas na competição.

O jogador nutre a esperança de figurar entre os titulares do azulão no duelo desse sábado, ás 15 horas, no estádio Nicolau Alayon, contra o Nacional. O clube tem grandes chances de assumir a liderança do grupo C em caso de vitória, basta que a Portuguesa, primeira colocada, com um ponto a mais (24 a 23), não vença o Taubaté, no Canindé, domingo, às 16 horas.

Daniel Bueno poderá ser titular já que Ermínio, artilheiro do São Caetano na Copa Paulista (10 gols), está suspenso. O atacante ressaltou a alegria que sente em defender as cores do São Caetano, e falou que nunca desanimou mesmo no banco, e espera retribuir toda confiança que o clube depositou em sua contratação.

“Fiquei muito honrado ao receber a proposta do São Caetano. E, desde o meu primeiro dia aqui, fiz o meu melhor, para mostrar aos torcedores que o clube tinha acertado ao me procurar. Mesmo na suplência, trabalhei dobrado, pensando na oportunidade que poderia surgir. E, quando somos chamados pelo professor com o jogo rolando, precisamos dar conta do recado rapidamente e mudar o panorama da partida”, disse o atacante.

O atleta vê como normal sonhar com a titulariedade, mas fez questão de exaltar a força do elenco do azulão.

“É natural sonhar com a titularidade, mas, independente da decisão do professor Luís Carlos Martins, que é um profissional do mais alto nível, colecionador de acessos, seguirei feliz e focado. Tenho aprendido muito com os ensinamentos dele. E sei que todos aqui do plantel possuem condições de começar jogando. O São Caetano dispõe de ótimos jogadores, em todos os setores. Quem atuar dará conta do recado”, sintetizou.

Contra o Nacional, o atacante espera um São Caetano em cima do adversário, buscando o gol, para alcançar o objetivo de terminar a primeira fase na liderança do Grupo C.

“O São Caetano não pode fugir de sua mentalidade envolvente, que tem marcado a nossa trajetória até aqui na Copa Paulista. É necessário buscar o gol a todo instante, atacando com intensidade, mas com atenção para não proporcionar espaços propícios ao contragolpe do Nacional. Temos um objetivo ambicioso a cumprir, que é encerrar o estágio de grupos na primeira posição. Feito que pode nos fornecer vantagens na segunda fase”, frisou.

Daniel Bueno ainda recordou que marcou um de seus cinco gols na competição, justamente contra o Nacional, no primeiro turno, e em 2016 já havia sido algoz do clube quando ainda atuava pelo Flamengo de Guarulhos

“Fiz o gol da vitória sobre o Nacional no primeiro turno (2 a 1, no estádio Anacleto Campanella). E, em 2016, marquei um tento importante contra eles no Nicolau Alayon, defendendo o Flamengo de Guarulhos, no quadrangular final do Campeonato Paulista da Série A3, torneio que terminei como vice-artilheiro geral. É certo que teremos pela frente um time tradicional, muito bem organizado e pensando também na classificação. Mas espero fazer valer o meu bom rendimento para levar o São Caetano ao aguardado triunfo”, finalizou.

O clube do ABC é o segundo no grupo C com 23 pontos em 12 jogos, e está apenas um ponto atrás da líder Portuguesa que tem 24. O São Caetano ainda enfrentará até o término da primeira fase o Nacional fora de casa, e depois para encerrar receberá o Juventus da Mooca no Anacleto Campanella, domingo, dia 17, às 10 horas da manhã.