América-MG renova com jovem meia Matheusinho por cinco temporadas

Novo vínculo de joia da base do Coelho, destaque da seleção sub-20, se estenderá até 2021

América-MG renova com jovem meia Matheusinho por cinco temporadas
Foto: Divulgação/América-MG

Na tarde desta sexta-feira (30) a diretoria do América-MG anunciou a renovação do vínculo com o meia Matheusinho, de 18 anos, por cinco temporadas. O jogador, revelado nas categorias de base do Coelho, está assegurado no clube até 2021. Os valores da negociação não foram revelados.

Titular absoluto da equipe comandada por Enderson Moreira, Matheusinho se mostrou feliz com a renovação contratual. Agradecendo a diretoria e a nação americana, o jogador espera, agora com a cabeça mais tranquila, ajudar o América a sair da zona de rebaixamento.

“Estou muito feliz com esta renovação. Ela vai me dar muita tranquilidade para continuar trabalhando. Quero agradecer à Diretoria e, principalmente, à torcida que sempre esteve ao meu lado. Espero dar muitas alegrias aos torcedores e ajudar o time a sair desta situação ruim na classificação”, declarou.

Segundo Paulo Assis, superintendente geral do clube, a multa rescisória, caso alguma equipe do exterior se interesse pelo atleta, é de 25 milhões de euros. “A multa para o exterior é de 25 milhões de euros. Nosso Conselho de Administração está fazendo um grande esforço para manter nossas revelações o maior tempo possível no clube, por isso nem estabelecemos ainda multa para o Brasil”, disse Paulo.

Nascido no dia 11 de fevereiro de 1998, em Belo Horizonte/MG, Matheus Leonardo Sales Cardoso ingressou nas categorias de base do Coelho em 2011. Pelo decacampeão, o jogador conquistou em 2013 a Copa Juventude e a Copa Imef sub-15. Em 2014, foi campeão mineiro juvenil. Ano passado, na seleção sub-17, conquistou a Suwon Cup, na Coréia do Sul.

Neste ano, assim que ocorreu a eliminação do Coelho na Copa São Paulo de Futebol Júnior, o meia foi integrado ao elenco profissional, ajudando o clube na conquista do campeonato estadual, algo que não ocorria há 15 anos. No Campeonato Brasileiro, o atleta foi utilizado em 12 partidas, marcando apenas um gol, na derrota diante do Flamengo por 2 a 1, em Cariacica/ES.