Alô, liderança! América vence Figueirense em casa e assume ponta da Série B provisoriamente

Coelho não perde há dez rodadas e torce por tropeços de Juventude e Guarani para terminar a rodada na ponta; Figueira segue no Z-4

Alô, liderança! América vence Figueirense em casa e assume ponta da Série B provisoriamente
Foto: Mourão Panda/América-MG
América-MG
4 2
Figueirense
América-MG: João Ricardo; Norberto, Rafael Lima, Messias e Giovanni; Ernandes, Zé Ricardo, Matheusinho (Mike, min. 38/2ºT) e Ruy (David, min. 21/2ºT); Luan e Bill (Hugo Almeida, min. 39/2ºT). Técnico: Enderson Moreira.
Figueirense: Saulo; Dudu Vieira, Marquinhos, Ferreira e Juliano; Matheus Pereira (Luidy, intervalo), Zé Antônio e Renan Mota; Robinho (Marcus Índio, min. 33/2ºT), Henan e Walterson (Nicolas Careca, intervalo). Técnico: Marcelo Cabo.
Placar: Norberto, aos 16’/1ºT, Luan, aos 18’/1ºT e Ruy, aos 32’/1ºT, Messias, aos 30’/2ºT (América). Nicolas Careca, aos 13’/2ºT, Henam, aos 47'/2º
ÁRBITRO: Marcos Mateus Pereira (MS), auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Leandro dos Santos Ruberdo (MS).

Vitória em casa e liderança provisória: o cenário para o torcedor do América-MG na noite desta sexta-feira (21) foi completo. A equipe mineira recebeu o Figueirense pela 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e conseguiu um belo resultado para cima do time catarinense, vencendo por 4 a 2, no Independência. O triunfo do Coelho deixou o clube alviverde na liderança da competição, pelo menos este sábado, quando a rodada tem seu complemento.

Os gols americanos foram marcados por Norberto, Luan, Ruy e Messias. Por outro lado, Nicolas Careca e Henam anotaram para os visitantes. Com 30 pontos, o América é o líder do Campeonato Brasileiro e torce agora por tropeços de Juventude e Guarani, que jogam neste sábado, contra Oeste e CBR, respectivamente. Ambos têm 27 pontos e podem ultrapassar o Coelho em caso de vitória.

Já a situação do Figueira é complicada. O time catarinense chegou até o Horto, em Belo Horizonte, já figurando a zona de rebaixamento, e por lá vai continuar nesta rodada. A equipe tem 16 pontos e, com a derrota, caiu uma posição, indo para o 18º lugar da tabela. O primeiro clube fora do Z-4 é o Brasil de Pelotas, com 17 pontos somados.

Página virada para o Figueirense, que enfrenta agora o Vila Nova-GO em casa, no próximo sábado (29), às 16h30. O América, por sua vez, terá um confronto de times da ponta. Isso porque a equipe mineira vai jogar contra o Juventude na próxima rodada, jogo marcado para o dia 28 de julho, sexta, às 19h15, no Alfredo Jaconi.

Boa atuação do América no primeiro tempo garante placar com folga à equipe

Pode aumentar a estatística: o América não perde há dez jogos na Série B do Campeonato Brasileiro. A equipe, comandada por Enderson Moreira, perdeu pela última vez na sexta rodada, ainda no começo do mês de junho, e, até então, nada de derrotas. No Horto, o enredo contou com muita alegria do lado alviverde.

O América abriu o placar com uma bela infiltração de Norberto na área do Figueirense. Após troca de passes na esquerda entre Luan, Matheusinho e Bill, o lateral recebeu um cruzamento na medida do atacante Bill, dominou, ajeitou e mandou no fundo das redes do goleiro Saulo aos 15 minutos.

Não tardou, e lá na meta alvinegra estava mais uma vez a finalização certeira do Coelho. Aos 18 minutos da etapa inicial, Matheusinho cruzou rasteiro para Luan ampliar o marcador. No lance, foi o próprio Matheusinho quem iniciou a jogada pela direita, que teve bola rolando de pé em pé até Luan definir.

Se a noite era de muitos gols para o América, não poderia faltar do artilheiro da equipe na Série B. Luan forçou a marcação para cima da saída de bola do Figueirense, ainda no seu campo de defesa, e o domínio acabou sobrando para Bill. O atacante tocou para Ruy, que fez o terceiro do Coelho no primeiro tempo. Com seis gols marcados, Ruy é o artilheiro isolado do time na competição. 

Figueirense diminui, mas América não decepciona e fica com a vitória

As estatísticas do primeiro tempo mostraram a superioridade do América. A equipe finalizou oito vezes, três delas no alvo, enquanto o Figueirense tentou definir apenas duas vezes. Na etapa complementar, redes voltaram a ser atacadas, mas seguiu o panorama de vantagem alviverde por todo o confronto.

A equipe catarinense teve chance de diminuir o placar ainda aos seis do primeiro tempo. Luidy recebeu bola na pequena área e acabou isolando, mas, pouco depois, o jogador não decepcionou. Luidy cruzou na cabeça de Nicolas Careca, que finalizou contra o gol de João Ricardo para fazer o gol alvinegro. O arqueiro do América ainda falhou, porque chegou a pegar na bola, mas ela entrou.

Revelado pela base do América, o zagueiro Messias também deixou o dele. Aos 29 minutos da etapa complementar, o defensor subiu mais que todos na área do Figueira para fazer 4 a 1 a favor de sua equipe, após cobrança de escanteio. No último lance da partida, foi sinalizado um pênalti para o time visitante por um suposto toque de mão de Giovanni dentro da área americana, o que não aconteceu - a bola bateu no ombro do jogador do Coelho.

Henan foi para a bola e converteu a cobrança do pênalti, fazendo 4 a 2 na Arena Independência. Esse foi o último lance do jogo, que teve sorrisos alviverdes pelas arquibancadas do Horto, manutenção de sequência invicta e liderança provisória para o Coelho.


Share on Facebook