Robinho comenta pênalti perdido e reprova atitude de zagueiro do América-MG

Atacante reclamou do comportamento do defensor Alison em campo: “Tem que ter um pouco mais de humildade”

Robinho comenta pênalti perdido e reprova atitude de zagueiro do América-MG
Robinho pediu para bater o pênalti, mas a cobrança acabou parando nas mãos de João Ricardo (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Assim como no jogo diante do Racing, em Buenos Aires, na última semana, Robinho foi um dos destaques do Atlético-MG na derrota para o América-MG, por 2 a 1, neste domingo (1º), no Independência. Porém, além de criar boas oportunidades de gol, o atacante perdeu um pênalti e o prejuízo só não foi maior porque Lucas Pratto diminuiu a vantagem americana aos 48 minutos do segundo tempo.

Ao comentar o lance, Robinho reconheceu que cobrou mal a penalidade. “Com todo respeito ao João [Ricardo, goleiro do América que defendeu a cobrança], eu bati mal o pênalti”, disse o atacante, que havia pedido a Pratto, o cobrador de pênalti oficial do Atlético, para executar o lance. “Vinha jogando bem, mas não peguei bem. Mas, enfim, a decisão está aberta. A gente fez um gol no fim do jogo e estamos vivos”, completou.

Robinho ainda reprovou a atitude do zagueiro do América, Alison, com quem bateu boca no segundo tempo. “Quero deixar um recado para o número 3 do América, acho que é Alison o nome dele. Tratando a gente com falta de respeito, xingando, sem humildade nenhuma. No futebol, as coisas mudam rápido. Não tem nada decidido. Tem que ter um pouco mais de humildade”, lamentou.

América e Atlético voltarão a se encontrar no próximo domingo (8), às 16h, no Mineirão, para o jogo que definirá quem levantará o troféu do Campeonato Mineiro. Ao Coelho, basta um empate para levar o título. Já o Galo precisa de um triunfo simples para comemorar mais uma conquista estadual.