Resultado Atlético Mineiro 2 x 1 Racing na Copa Libertadores 2016

Resultado Atlético Mineiro 2 x 1 Racing na Copa Libertadores 2016
Arte VAVEL Brasil Live
Atlético-MG
2 1
Racing
Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete (Clayton, min. 24/2T), Júnior Urso e Carlos (Hyuri, min 8/2T).; Robinho (Eduardo, min. 33/2T) e Lucas Pratto
Racing: Nelson Ibáñez; Pillud, Sergio Vittor, Nicolas Sánchez e Grimi; Noir (Diego Milito, min.31/2T), Videla, Aued, Acuña (Pereyra, min. 39/2T)e Óscar Romero (Gustavo Bou, min. 10/2T); Lisandro López
Placar: 1-0, min.15/1T, Carlos. 1-1, min.20/2T, Lisandro López. 2-1, min. 26/2T.
ÁRBITRO: Daniel Fedorczu, Mauricio Espinosa e Richard Trindad Cartão amarelo: Leandro Donizete (min.19/1T), Rafael Carioca (min.29/1T), Romero (min.29/1T), Acunã (min. 31/2T)
INCIDENCIAS: Partida válida pelas oitavas de final da Taça Libertadores da América de 2016.

CONFIRA O PÓS-JOGO: Com sofrimento, Atlético-MG vence Racing e irá enfrentar São Paulo nas quartas

Um jogo difícil e tenso, após sofrer o empate, o Galo mineiro fica nervoso, mas encontra a tranquilidade nos pés de Lucas Pratto que fez o gol da vitória e classificação. A disputa das quartas de final será entre Atlético-MG x São Paulo.

Agradecemos a companhia e encerramos a transmissão do jogo Atlético-MG 2 x 1 Racing.

FIM DE JOGO!

43' De frente para o gol, após um desenvolvimento bonito do lance, Júnior Urso chuta para defesa do goleiro.

39' SUBSTITUIÇÃO RACING: sai - Acuña; entra - Pereyra

A bola tocou na mão do argentino, o juiz viu e marcou pênalti. Lucas Pratto cobra, mas o goleiro defendeu, no rebote a defesa do Racing tira a bola do perigo.

35' Pênalti para o Galo.

33' SUBSTITUIÇÃO GALO: sai - Robinho; entra - Eduardo

31' SUBSTITUIÇÃO RACING: sai - Noir; entra - Diego Milito

30' CARTÃO AMARELO RACING - Acuña

26' Rafael Carioca cobra falta para dentro da área, Pratto marcado consegue alcançar a bola e empurrá-la de cabeça para o fundo da rede.

26' GGGGOOOOLLLLLL DO GALO

23' SUBSTITUIÇÃO GALO: sai - Leandro Donizete ; entra - Clayton

21' Pela lateral esquerda, Hyuri é derrubado e juiz aponta a falta. Douglas Santos cruza para cabeceio dentro da área que não resulta em nada.

14' Falta em cima de Robinho pela esquerda, próximo à área. Bola foi muito alta na segunda trave, ia encontra o Pratto, mas goleiro saiu sem medo.

10' Menos de um minuto em campo e Bou já deu trabalho para o goleiro Victor.

10' SUBSTITUIÇÃO RACING: sai - Romero; entra- Gustavo Bou

8' SUBSTITUIÇÃO GALO: sai - Carlos; entra - Hyuri

7' Lucas Pratto arrisca de fora da área, a bola acerta o travessão caiu para quase dentro do gol, no rebote Robinho ficou na dúvida e cabeceou para fora de campo.

4' Tabela entre Robinho e Pratto na meia lua, mas a bola acaba sobrando para o goleiro Nelson.

1' O Atlético começa a segunda etapa com mais vonatde de jogo.

Começa o segundo tempo!

Fim do primeiro tempo.

47' Último minuto de primeiro tempo. Cruzamento pela direita, Lisandro López cabeceia e a bola sai, goleiro Victor reclama muito de sua defesa.

45' Jogada no meio campo, o contra-ataque mineiro, porém o juiz paralizou o lance maracando falta de ataque de Robinho.

44' Marcos Rocha colocou a bola para dentro da área e Robinho subiu para cabecear, o goleiro Nelson encaixou a bola. Boa profundidade do time mineiro.

42' A mesma jogada pela direita do Galo, mas dessa vez a bola foi cortada e não alcançou o jovem Carlos que estava na pequena área.

Racing se apresenta mais tranquilo e melhor posicionado em campo, o time mineiro segue tocando a bola em busca de uma espaço de criação.

33' Atlético respondeu rápido, mas o chute saiu pela linha de fundo.

32' Grande oportunidade para o Racing ampliar o placar, a bola passou na frente do gol e ninguém alcançou.

29' CARTÃO AMARELO: Rafael Carioca (Atlético-MG) e Romero (Racing) 

25' O Galo tenta se organizar, colocar a bola no chão para buscar o ataque.

Donizete entra por trás no jogador argentino dentro da área e o juiz marca pênalti e amarela o atleticano. Lisandro López cobra bem e o goleiro Victor não consegue defender. Empate em 1 a 1 dá a classificação para o Racing.

20' Pênalti para o Racing!

Pela direita do campo, o talismã Carlos recebeu pela direita e caindo dentro da área com muito oportunismo conseguiu colocar para dentro da rede. Não existe mais chance de disputa de pênaltis.

15' GGGGOOOLLLLLLL DO GALO!

15' Falta para o Galo! Derrubaram o Urso, mas a cobrança foi muito alta e o goleiro saiu bem. 

10' Cobrança de lateral do Marcos Rocha foi parar dentro da área, surgiu a chance, mas o goleiro defendeu bem novamente.

5' Pressão do Galo e Leo Silva tentou um chute de fora da área para defesa do goleiro Neson.

Rolou a bola!

Os jogadores entram em campo e a torcida do Galo faz uma linda festa. Preencheram a arquibancada do Independência com um grande mosaico.

Boa noite, torcedores! Iniciamos a transmissão de Atlético-MG x Racing.

Acompanhe conosco esta importante partida das oitavas de final da Libertadores entre Atlético-MG x Racing às 21h45 (Brasília)

Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Rafael Carioca, Leandro Donizete, Júnior Urso e Carlos; Robinho e Lucas Pratto 

Racing: Saja; Pillud, Vittor, Sánchez e Grimi; Noir, Videla, Aued, Acuña e Óscar Romero; Lisandro López 

Se não bastasse a tradicional rivalidade entre Brasil e Argentina, Atlético-MG e Racing entram em campo nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Independência, com alguns ingredientes a mais para o duelo que vale a classificação para as quartas de final da Libertadores.

É preciso foco para jogos importantes, por isso, o técnico Aguirre optou em organizar um esquema de 48h de concentração total até a partida decisiva.

Resultados anteriores observados, os atleticanos marcarão presença no Independência para apoio o time. Desde o último sábado, os ingressos comuns estão esgotados.

Fora do Cilindro, como é conhecido o estádio do Presidente Perón, o Racing não tem bom retrospecto. Pela Libertadores, foram quatro jogos e quatro empates.

“Eu acredito!” o torcedor alvinegro segue confiante na classificação, pois o Galo mantém um bom rendimento como mandante, são sete vitórias, três derrotas e um empate, sendo que os todos três jogos em Minas Gerais, pela Libertadores foram vencidos pelos atleticanos.

Depois do empate sem gols na Argentina. O Racing garante a vaga na próxima fase caso haja igualdade com gols.

O Atlético-MG joga por uma vitória. Se o placar de 0 a 0 se repetir, a decisão vai para os pênaltis.

O jogo de ida aconteceu na quarta-feira (27), no estádio Presidente Perón e terminou em um empate sem gols.

O Racing terminou a fase anterior na segunda colocação do grupo 3, o Galo ficou em primeiro lugar do grupo 5, com 13 pontos.

O principal dos aditivos para o confronto Jogo Atlético-MG x Racing decisivo encontra origem na partida de ida entre os clubes, que terminou empatada por 0 a 0, no estádio El Cilindro. Antes do jogo, o goleiro do Racing, Saja, motivou seus companheiros, afirmando que os brasileiros “se borram” quando jogam na Argentina. Diante das declarações do arqueiro, os jogadores atleticanos prometem uma “pressão de verdade” sobre o time argentino no Horto.

“Agora que ele disse isso, ele vai poder provar aqui em Belo Horizonte. Agora ele vai ver o que é pressão de verdade e vamos usar isso ao nosso favor”, colocou o volante Júnior Urso.

Além da provocação argentina, outro ingrediente importante para a partida desta quarta-feira está presente numa “armadilha” do regulamento. Apesar do bom empate sem gols no jogo de ida, o Galo poderá se ver em situação complicada caso sua defesa seja vazada pelo Racing no Independência.

“A gente não pode mudar a nossa característica. No começo do jogo, a gente procura fazer o gol o mais rápido possível. O time adversário sente a nossa pressão, isso não vai mudar. Agora, concentração a gente tem que ter, porque time argentino, quando faz gol, se defende muito bem. Vão tentar fechar o gol deles, vão tentar aproveitar qualquer brecha que deixarmos atrás”, afirmou o zagueiro Erazo.

Atento aos perigos oferecidos pelo time argentino, o Atlético-MG precisará também dar uma resposta a sua torcida, tendo em vista a atuação ruim do último domingo, na derrota por 2 a 1 para o América-MG, pela primeira partida da decisão do Campeonato Mineiro. Na ocasião, o técnico Diego Aguirre chegou a poupar alguns jogadores, contudo, nesta quarta-feira, a certeza é que o Galo utilizará o que tem de melhor no elenco.

A grande ausência é o argentino Dátolo, que segue lesionado, sendo substituído pelo equatoriano Cazares. Por outro lado, o meia Carlos Eduardo, recém-contratado para a temporada, aparece pela primeira vez na equipe, porém como opção no banco de reservas.

Assim como o Atlético-MG, o Racing poupou vários titulares no fim de semana. Com uma equipe praticamente reserva, o time de Avellaneda, já sem grandes aspirações no Campeonato Argentino, acabou vencendo o Huracán por 1 a 0, na casa do adversário.

A boa vitória em território inimigo serve como aviso para o Atlético-MG. Confiantes, os jogadores do Racing garantem uma postura ofensiva no Horto.

“A partida vai ser muito parecida com o jogo de ida, com nós pressionando. Teremos que ser agressivos, recuperar rápido a bola para atacar. A intensidade vai ser a mesma. O futebol está parelho, não só aqui, mas na Libertadores também. Creio que podemos ganhar como visitantes. Faltam 90 minutos e temos que pensar em atacar desde o princípio”, disse o zagueiro Sergio Vittor ao jornal argentino Olé.

Pensando em atacar e pressionar o Galo no Independência, o Racing terá um importante reforço para a partida. Recuperado recentemente de um edema na coxa esquerda, o atacante Gustavo Bou, artilheiro da Libertadores do ano passado, foi relacionado para o jogo em Belo Horizonte, e, assim como o ídolo Diego Milito, será uma boa opção no banco de reservas para o técnico Facundo Sava, que repetirá a equipe titular do duelo de ida contra o Atlético-MG.

Boa noite, torcedor! Acompanhe agora a partida entre Atlético-MG x Racing, válida pela Copa Libertadores 2016! Fique conosco!