Após vencer o Santos, Aguirre pensa na Libertadores e elogia Cazares: "Foi decisivo"

Treinador do Atlético-MG não confirma escalação para enfrentar o São Paulo, no meio de semana; uruguaio não poderá contar com Junior Urso e Rafael Carioca, que estão suspensos

Após vencer o Santos, Aguirre pensa na Libertadores e elogia Cazares: "Foi decisivo"
Diego Aguirre não economizou elogios ao meio-campo Cazares, após boatos de indisciplina do equatoriano (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

O técnico Diego Aguirre acionou os reservas do Atlético-MG para enfrentar o Santos, na noite deste sábado (15), no Estádio Independência, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Os suplentes deram conta do recado e venceram os paulistas por 1 a 0, fato que deixou o treinador uruguaio satisfeito.

"Saio muito satisfeito. Todos que entraram em campo foram bem. O triunfo foi merecido. Pela analise, o Atlético jogou melhor e mereceu a vitória. Foi meu ponto de vista. O triunfo foi um prêmio ao trabalho que venho fazendo desde o primeiro dia. Demos oportunidades mais uma vez. Os jogadores estavam tranquilos, preparados, por terem jogado anteriormente. Foi fundamental”, disse Aguirre.

No entanto, teve um nome que chamou a atenção na noite passada: Juan Cazares. Não só porque o equatoriano marcou o gol da vitória alvinegra, mas por ter espantado todos os boatos de indisciplina que foram arrolados ao seu nome durante a semana. Diego Aguirre revelou que o jogador estava triste e preocupado no passado, mas não poupou elogios ao camisa 11.

“Estou feliz com o jogo que o Cazares fez hoje. Falaram muita coisa dele e esse menino é muito bom, ele trabalha como qualquer outro e em algumas circunstâncias não teve tantas oportunidades, mas esse é o Cazares que eu quero, que o Atlético-MG precisa e estou muito feliz com ele porque ele estava triste, preocupado e merecia fazer um bom jogo”, declarou o treinador.

Mas, será que Cazares será titular contra o São Paulo, quarta-feira (18), pela partida de volta das quartas de final da Copa Libertadores da América, no Mineirão? Diego Aguirre desconversou e não revelou nomes. O certo é que o técnico uruguaio não vai poder contar com os volantes Junior Urso e Rafael Carioca, suspensos pelo terceiro cartão amarelo, e Robinho, considerado dúvida, após sair com um incômodo muscular do confronto no Morumbi. 

“Dos jogadores que jogaram hoje [sábado], três ou quatro vão jogar quarta-feira e o rendimento foi muito bom. De todos, especialmente dos jogadores que vão jogar na quarta. Não vou dar nomes para quarta, é claro”, concluiu.