Ronaldinho aciona Atlético-MG na Justiça do Trabalho por atraso em pagamentos

Ex-jogador e ídolo da massa esteve em Belo Horizonte na manhã desta terça-feira; clube e jogador não entraram em acordo e nova audiência foi marcada

Ronaldinho aciona Atlético-MG na Justiça do Trabalho por atraso em pagamentos
Ronaldinho após conquista da Libertadores em 2013; reencontro com o Galo não traz as mesmas alegrias ao clube (Foto: AFP)

Ronaldinho Gaúcho foi presença ilustre na 30ª Vara da Justiça do Trabalho na manhã desta terça-feira (16), em Belo Horizonte. O ídolo da torcida alvinegra acionou o Atlético MG por atraso no pagamento da rescisão de seu contrato e do pagamento do salário referente ao mês de junho de 2014.

Segundo o que consta na petição, o clube e o atleta acordaram em um pagamento do valor em duas parcelas de R$ 415.082,50 cada uma, sendo os valores referentes ao salário de junho de 2014 (R$ 217.977,00) e a rescisão de seu contrato com o Galo. De acordo com o documento, o pagamento deveria ser feito em agosto e setembro de 2014, mas só foi executado em julho deste ano.

Ronaldinho e Atlético não entraram em acordo durante a audiência e uma nova sessão foi marcada para o dia três de novembro. No caso de as partes não encontrarem um consenso na nova audiência, o juiz terá o prazo de 30 dias para dar sua sentença sobre o caso.

O Atlético se declarou sobre o caso através de uma nota divulgada por sua assessoria de comunicação: "Em relação à reclamatoria trabalhista proposta por Ronaldinho, o Atlético esclarece que as partes divergem sobre o pagamento de uma multa postulada pelo ex-atleta e contestada pelo clube. Será objeto de julgamento na forma legal".

O empresário e irmão do craque já afirmaram também que o clube possui outras dívidas em aberto com Ronaldinho. Os valores giram em torno dos R$ 10 milhões, de acordo com apuração da ESPN Brasil. A cobrança se refere a outros salários e prêmios e, nesse caso específico, clube e atleta ainda tentam a resolução sem o envolvimento da justiça.

Ronaldinho Gaúcho chegou ao Atlético em 2012, esteve presente na campanha do vice-campeonato brasileiro do mesmo ano, na conquista do Campeonato Mineiro e da Copa Libertadores no ano seguinte e da Recopa Sul Americana em 2014, quando fez sua última apresentação com a camisa alviengra, em 23 de julho. Ao todo, foram 88 partidas, 28 gols marcados e 29 assistências.