Capitão e artilheiro do Atlético-MG, Fred celebra vitória e segue acreditando no título

Atacante marcou o terceiro e último gol do triunfo sobre o Figueirense, no Independência, e ampliou vantagem na artilharia do Brasileirão

Capitão e artilheiro do Atlético-MG, Fred celebra vitória e segue acreditando no título
Com Leonardo Silva lesionado, Fred foi o capitão do Atlético-MG contra o Figueirense (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Escolhido pelo técnico Marcelo Oliveira para ostentar a braçadeira de capitão contra o Figueirense após a lesão do zagueiro Leonardo Silva, o atacante Fred balançou as redes mais uma vez no Campeonato Brasileiro. O centroavante anotou o terceiro e último gol do Atlético-MG na vitória sobre o Figueira, por 3 a 0, na noite desse domingo (23), no Independência, pela 32ª rodada do certame.

Agora, o camisa 99 contabiliza 13 gols – dois pelo Fluminense e 11 pelo Galo – e lidera a artilharia do Brasileirão, com dois a mais que os segundos colocados, Robinho (Atlético), Gabriel Jesus (Palmeiras), William Pottker (Ponte Preta) e Sassá (Botafogo).

Após o jogo desse domingo à noite, o atacante celebrou o triunfo do time mineiro. “Foi uma vitória importante, atingimos uma marca grande e continuamos com chance de título. A gente vai continuar acreditando e batalhando. Foi um jogo difícil, truncado, com muita disputa, mas conseguimos ganhar e fazer um placar elástico, que dá mais méritos ainda para a nossa equipe”, disse.

Como o Palmeiras também venceu na rodada – bateu, em casa, o Sport –, a diferença do Atlético para o topo da tabela se manteve em oito pontos. Mesmo faltando seis jogos para o término do campeonato, Fred segue acreditando que o Galo possa tirar essa vantagem palmeirense e conquistar o título.

Enquanto tiver 1% de chance, vamos continuar lutando até o final. Na minha carreira, já consegui o que todos falaram que era impossível, então, enquanto tiver chance, a gente vai acreditar”, declarou o atleta, que liderou o Fluminense na fuga do rebaixamento, em 2009, após os matemáticos apontarem 99% de chance de queda para a equipe carioca naquele ano.

Nessa reta final de Brasileirão, o Atlético pega Palmeiras e Flamengo, respectivos líder e vice-líder do Brasileirão, em Belo Horizonte/MG. O Fla, inclusive, é o próximo adversário do Galo. As equipes se enfrentam no sábado (29) que vem, às 16h30 (de Brasília), no Independência, em confronto válido pela 33ª rodada.