Desfalque contra Atlético-PR, Luan nega lesão e revela torcida para brasileiros nas copas continentais

Meia-atacante será poupado e não joga a próxima partida do Atlético-MG, mas afirma ser apenas uma precaução

Desfalque contra Atlético-PR, Luan nega lesão e revela torcida para brasileiros nas copas continentais
Luan vivia sua maior sequência de jogos desde 2015 (Foto: Bruno Cantini/Atlético MG)

Após uma sequência de oito partidas como titular, Luan será desfalque contra o Atlético-PR na próxima rodada do Campeonato Brasileiro. O meia-atacante do Atlético-MG sofre com recorrentes lesões desde as últimas temporadas, o que tem o afastado de campo frequentemente. A sequência atual é a sua maior desde 2015, quando entrou em campo dez vezes seguidas. Luan garante que a nova ausência não é por lesão, apenas uma precaução já predefinida pelo clube.

O novo técnico atleticano, Oswaldo de Oliveira ,treinou o time com Robinho no lugar de Luan. O time colocado em campo teve Victor; Alex Silva, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson e Elias; Valdívia e Cazares; Robinho e Fred.

Em entrevista coletiva na Cidade do Galo, Luan falou sobre não viajar para Curitiba com a equipe, garantiu não se tratar de nova lesão e mostrou confiança no elenco:

É mais por precaução. Vinha em sequência puxada e tinha reclamado de cansaço. O planejamento, todos sabiam que era isso. Temos um treinador novo e é claro que queremos jogar, para mostrar que temos condições. Mas estou tranquilo, porque o elenco é qualificado e todos podem dar o melhor”, disse o jogador.

Durante sua entrevista coletiva na Cidade do Galo, Luan também falou sobre a chegada do novo comandante e sobre as metas do time na temporada.

O presidente Daniel Nepomuceno foi à público após a eliminação do Galo na Copa Libertadores para declarar que estar entre os classificados para a Copa Libertadores era uma obrigação. De lá para cá o rendimento do time não melhorou, o técnico Rogério Micale foi demitido e o time está a três pontos da zona de rebaixamento e nove da zona de classificação para a competição continental.

Apesar do desempenho ruim e do distanciamento do objetivo apresentado pela direção, Luan acredita que o Atlético tenha condições de embalar no campeonato e conseguir a classificação para a Libertadores. Para isso, não esconde sua torcida para os Brasileiros na Libertadores e Sulamericana, o que poderia aumentar o número de vagas disponíveis para acesso a partir do Brasileirão:

“Em 39 pontos a serem disputados, temos a capacidade de conseguir cinco, seis vitórias consecutivas para poder colar ali. O G6 pode virar G8, pelo que vejo. Tem o Grêmio disputando a Libertadores. Torcer para o Grêmio ser campeão para poder abrir uma vaga. Tem o Flamengo disputando a Sul-Americana, fora outras equipes também. O que nos resta é trabalhar, esquecer essas equipes, e dar uma arrancada, que a gente já provou que a gente pode” concluiu Luan.

Sem o “Menino Maluquinho”, o Galo enfrenta o Atlético-PR na Arena da Baixada no domingo (1), às 19h, pela 26ª rodada do Brasileirão.