Especulado no Atlético-MG, lateral uruguaio Guillermo Varela vira alvo da Roma

De acordo com o site italiano Tuttomercato, jogador se encaixa no perfil determinado pelo cúpula romanista

Especulado no Atlético-MG, lateral uruguaio Guillermo Varela vira alvo da Roma
Guillermo Varela já defendeu as cores do Manchester United (Foto: Matthew Ashton/Getty Images)

Alvo do Atlético-MG para a próxima temporada, o lateral-direito Guillermo Varela, do Peñarol, despertou interesse da Roma. O jogador revelado pela equipe uruguaia soma passagens sem sucesso por Manchester United, Real Madrid B e Eintratcht Frankfurt antes de retornar ao futebol sul-americano. De acordo o site italiano Tuttomercato, a Roma já deu início às conversas com o Peñarol para contar com o jogador.

O lateral-direito se transferiu ao Manchester United em 2010, que comprou seus direitos econômicos por € 2,4 milhões, após ter se destacado no Mundial sub-20. Na Inglaterra, Varela participou de apenas 11 partidas na equipe principal dos Reds Devils. Pouco aproveitado, o jogador foi emprestado ao Real Madrid B e para o Eintratcht Frankfurt, da Alemanha, antes de retornar ao Peñarol.

Varela atuou pela equipe B do Madrid (Foto: Angel Martinez/Getty Images)

De acordo com o jornal Tuttosport, também da Itália, foi na Espanha que Varela chamou a atenção dos mandatários da Roma. O dirigente esportivo Ramón Rodríguez Verdejo, mais conhecido como Monchi, monitorava o jogador ainda na época em que trabalhava no Sevilla.

“Ele já foi observado por Monchi na época de Sevilla. Varela pode se tornar ‘algo mais’ [no futebol]. Roma estuda e aprecia. Os giallorossi perseguem reforços, com olhos voltados ao Uruguai”, divulgou o site.

Apesar do interesse italiano, o Atlético ainda tenta a contratação do jogador. Pablo Bentancurt, empresário de Varela, acredita que o acordo entre as equipes sul-americanas está próximo.

O presidente do Peñarol, Juan Pedro Damiani, é aguardado em Belo Horizonte para uma reunião com Alexandre Gallo, novo diretor de futebol da equipe mineira caso Sérgio Sette Câmara assuma a presidência no próximo ano. Guillermo Varela tem contrato de três anos com os uruguaios e 25% de seus direitos econômicos ainda estão vinculados ao Manchester United.