Nova diretoria do Atlético-MG faz a 'limpa' e exonera 'velhos de casa'

André Figueiredo, que comandou o futebol do Galo por três meses, e Diogo Giacomini, ex-treinador da base que chegou a dirigir a equipe principal, foram demitidos

Nova diretoria do Atlético-MG faz a 'limpa' e exonera 'velhos de casa'
André Figueiredo foi desligado do cargo de diretor da base (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

A nova diretoria do Atlético-MG, comandada pelo presidente eleito na última segunda-feira (11), Sérgio Sette Câmara, já começou a trabalhar. Na manhã desta quarta-feira (13), foram vários desligamentos de pessoas ligadas ao mandato do antecessor, Daniel Nepomuceno, sendo os mais significativos de André Figueiredo, que dirigiu as categorias de base do Galo por 13 anos e ocupou o cargo de diretor de futebol entre junho e setembro deste ano, e Diogo Giacomini, que chegou a comandar a equipe principal em 2015.

André Figueiredo, que estava no clube desde 2004, foi colocado no cargo de diretor de futebol do Atlético após o falecimento de Eduardo Maluf, em maio deste ano. Entre junho e setembro, no comando do futebol do Galo, André teve de lidar com a pressão da torcida, que pediu sua saída de modo incisivo na vitória sobre o Flamengo por 2 a 0, pelo Campeonato Brasileiro, no dia 13 de agosto, com direito a faixa e cânticos. Em setembro, o dirigente retornou à base, onde estava até então.

A demissão de Giacomini encerrou o segundo período de passagem do treinador pelo Galo. O primeiro foi entre 2007 e 2013. Após voltar ao time, em 2015, chegou a comandar a equipe principal do Galo na reta final do Brasileiro, em função da demissão de Levir Culpi, além de dirigir o time que fez a segunda partida da final da Copa do Brasil ano passado, contra o Grêmio. No total, foram oito partidas, com um empate, três vitórias e quatro derrotas.

Na base, além de André e Giacomini, que estava exercendo a função de coordenador metodológico, Frederico Cascardo, coordenador técnico, também foi demitido. Além disto, aconteceram cortes em setores estratégicos do clube. Pedro Tavares, ex-diretor de planejamento e marketing, e João Gomide, ex-superintendente comercial, foram desligados de suas funções.

A posição oficial da diretoria alvinegra sobre as demissões será divulgada nessa quinta-feira (14) pela manhã, em entrevista coletiva a ser concedida na Cidade do Galo. Nela, serão anunciados os nomes dos substitutos escolhidos por Sette Câmara.