Recordar é viver: relembre confrontos entre Villa Nova x Atlético

Confronto mais antigo do estado, ambos os times se enfrentam nesta quinta-feira (25), no Estádio Castor Cifuentes

Recordar é viver: relembre confrontos entre Villa Nova x Atlético
Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG

O jogo mais antigo do futebol mineiro entre times que ainda estão na ativa ganha destaque mais uma vez nesta quinta-feira (25). Villa Nova e Atlético encerram a terceira rodada do Campeonato Mineiro, às 18h30 (de Brasília), no Estádio Castor Cifuentes, em Nova Lima. 

Os dois times tem a mesma idade, 109 anos, porém, o Atlético é mais velho por exatos três meses e três dias. O primeiro confronto aconteceu em 1912, com goleada atleticana por 5 a 1 em um amistoso. A última partida aconteceu em 4 de março do ano passado. Mais uma vitória atleticana, desta vez, por 2 a 1, no Independência. No entanto, segundo o clube alvinegro, está contabilizada a partida amistosa entre o time de aspirantes do Galo e o time de Nova Lima. Triunfo preto e branco por 2 a 0, no Estádio Castor Cifuentes. 

No total, são 238 jogos, com 146 vitórias alvinegras, 50 empates e 42 triunfos do Villa Nova. O Atlético marcou 488 gols e o Leão do Bonfim anotou 247. Relembre aqui, na VAVEL Brasil, alguns confrontos históricos entre estas duas equipes. 

Atlético 0 x 1 Villa Nova - Campeonato Mineiro 1951

Em 1952 - o campeonato de 51 foi decidido no ano seguinte - Atlético e Villa Nova protagonizaram a terceira e decisiva partida para definir o campeão mineiro de 1951. O Galo buscava o tricampeonato estadual. Já o Leão do Bonfim brigava por um título que não conquistava desde o tetra de 1935.

Após dois empates na primeiras partidas da final, o grande campeão seria conhecido em 27 de janeiro de 1952. Com estimados 25 mil torcedores no Independência, o Villa Nova venceu o Atlético por 1 a 0, gol marcado por Vaduca, aos cinco minutos do segundo tempo. Durante 55 anos, este foi o último título conquistado pelo Leão do Bonfim, tabu quebrado em 2006, com a conquista da Taça Minas Gerais. 

Atlético 2 x 6 Villa Nova - Campeonato Mineiro 1955

A decisão do primeiro turno do Campeonato Mineiro de 1955 ficou conhecida pela violência de seus jogadores do que pelo bom futebol que eles poderiam praticar. Naquele tempo, havia uma rivalidade entre as duas equipes, e isto se traduziu na final ocorrida em 25 de setembro de 1955, no Estádio Independência. O Villa Nova precisava apenas do empate, pois tinha a vantagem adquirida nos dois primeiros jogos.

Após Paulo Valentim marcar o primeiro gol atleticano, os jogadores dos dois times iniciaram uma briga generalizada, resultando na expulsão de 21 jogadores, sendo a partida encerrada por falta de atletas. Os expulsos pegaram dez jogos de suspensão e uma nova partida foi remarcada para abril de 1956. O Villa Nova goleou o Atlético por 6 a 2, no Independência. 

Apesar das brigas, o campeão mineiro de 1955 foi o Atlético, pois no triangular decisivo entre o Galo, Democrata de Sete Lagoas e o Villa Nova, o alvinegro levou a melhor. 

Atlético 1 x 0 Villa Nova - Campeonato Brasileiro 1978

Este foi o único jogo entre as duas equipes por uma competição em nível nacional. Na ocasião, o Villa Nova debutava no Campeonato Brasileiro. O Leão do Bonfim entrou no grupo B, cheio de rivais locais e times do Norte e Nordeste do Brasil. 

No confronto contra o Atlético, dia 29 de março de 1978, no Mineirão, o Galo venceu por 1 a 0, gol marcado por Marcelo, hoje treinador de futebol. O alvinegro ainda tentava superar a perda do Brasileirão de 1977 ocorrido semanas antes. No Villa Nova, Luizinho comandava a defesa. Meses depois, ele defenderia o time alvinegro escrevendo uma história que durou 11 anos.

Atlético x Villa Nova - Campeonato Mineiro 1997

Em 1997, o Villa Nova apresentava-se como mais um participante do Estadual. Já o Atlético apostava todas as fichas na conquista do Campeonato Mineiro daquele ano, contratando nomes de peso, como Evair, Márcio Santos e Valdeir.

O Atlético terminou a fase de classificação líder com 16 pontos a frente do Villa Nova, oitava colocado - 44 a 28 - e mesmo assim foi eliminado pelo Leão do Bonfim. No primeiro jogo, no Castor Cifuentes, o time alvirrubro detonou o Galo, por 3 a 1. Guiba, Marquinhos e Adão marcaram para o Villa. Leandro Tavares fez o gol único do Galo. 

Na partida de volta, o Atlético poderia conseguir a classificação com dois diferença no Mineirão. Mesmo com toda a pressão, o Galo só fez um 1 a 0, com Nilo. Ao final da partida, o estádio era alvirrubro com a festa dos torcedores e jogadores do Villa Nova, como quem comemora um título.