Ainda sem novos contratados, Avaí visita Bragantino na abertura da segunda fase da Copa do Brasil

Braga volta à campo após duas semanas e decepção na Série A-2 do Paulista; Leão da Ilha se reformula para a Série B, mas ainda entra em campo sem reforços

Ainda sem novos contratados, Avaí visita Bragantino na abertura da segunda fase da Copa do Brasil
Foto: Jamira Furlani/Avaí FC
Bragantino
Avaí
Bragantino: Felipe; Alemão, Douglas Silva, Éder Lima, Bruno Pacheco; Edson Sitta, Serginho, Leandro Oliveira, Zambi; Erick, Elder Santana. Técnico: Léo Condé
Avaí: Renan; Renato, André Santos, Gabriel, Vitor Costa; Braga, Renanzinho, Tauã; Lucas Fernandes, Iury, William. Técnico: Silas
ÁRBITRO: Rodolpho Toski Marques, que será auxiliado por Ivan Carlos Bohn e Diego Grubba Schitkovski, todos do PR
INCIDENCIAS: Jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil 2016, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, SP; a partida começa às 21h30

Depois de estaduais decepcionantes, Bragantino Avaí focam suas atenções na Copa do Brasil antes do início da Série B. O Massa Bruta não conseguiu o acesso à divisão principal do futebol paulista, apesar da melhor campanha na primeira fase. Já o Leão da Ilha foi apenas o 8º colocado no Catarinense, e correu risco de rebaixamento até a penúltima rodada.

Na primeira fase, o Bragantino eliminou o Brasília com vitória em jogo único fora de casa, por 2 a 0, com gols de Alemão e Erick. Já o Avaí perdeu na ida por 1 a 0 para o Operário-MT, e reverteu na Ressacada, com uma vitória por 2 a 0, com dois de William. Na história, os times se enfrentaram 13 vezes, com seis vitórias do Leão, três do Braga e quatro empates. O último jogo foi na Série B 2014: em Bragança Paulista, vitória dos catarinenses por 4 a 1.

Léo Condé espera manter bom rendimento

Apesar de não ter conseguido o retorno para a elite do Paulista, o Bragantino ostenta um bom retrospecto em 2016. Em 22 jogos, foram apenas três derrotas e somente uma em casa - 1 a 0 contra o Juventus-SP, quando o time já poupava titulares para o mata-mata da competição estadual. A decepção foi a fase mata-mata da A-2, quando o time enfrentou o Batatais e empatou as duas partidas, sendo eliminado nos pênaltis.

O time volta a campo depois de 14 dias, desde a partida da primeira fase da Copa do Brasil contra o Brasília. O técnico Léo Condé destacou a regularidade do seu time durante a temporada, mas espera que o time se desenvolva ainda mais e conta com o apoio do torcedor para conseguir um bom resultado em casa.

"O Bragantino mostrou regularidade durante a maior parte da nossa trajetória nesta temporada, mas sabemos que temos condições de crescer mais. Os jogadores demonstraram que tem potencial para levar o time a grandes feitos este ano. Esperamos também o apoio da torcida, com a consciência da dificuldade do confronto. Nossa equipe entrará em campo com a vontade de colocar em prática o que fizemos de bom nessa preparação", disse.

O Bragantino manteve a base do time que disputou o Paulista A-2 e a novidade é o atacante Zambi, que disputou o Campeonato Gaúcho pelo Veranópolis. O jogador de 28 anos inclusive deve começar a partida de ida da segunda fase da Copa do Brasil como titular.

Zambi, ex-Veranópolis, reforça o Braga (Foto: Rafael Moreira/CA Bragantino)
Zambi, ex-Veranópolis, reforça o Braga (Foto: Rafael Moreira/CA Bragantino)

Avaí viaja sem novas contratações e com desfalques

Depois de 10 derrotas em uma sequência de 11 jogos, o Avaí conseguiu um respiro após bater o Operário-MT por 2 a 0 e avançar na Copa do Brasil. O time já anunciou sete novos jogadores para reforçar o time, e quatro já chegaram à Ressacada, mas nenhum deles estará à disposição.

Após uma fase muito ruim, o técnico Silas já percebeu um crescimento no rendimento do Avaí e espera uma grande partida do time em Bragança Paulista.

"O que eu pedi para os atletas foi melhorar o nosso trabalho e ele está melhorando. Já estou vendo mais desenvoltura nos treinos, os atletas pensando o que estão fazendo. Nós somos o que fazemos repetidamente, repetidas vezes. A excelência não é um feito isolado, ela é um hábito. Então temos que repetir, cruzar, chutar para gol, dormir cedo, fazer quatro, cinco refeições, tudo, todo dia, para atingir essa excelência. Estamos no caminho, vamos fazer uma grande apresentação", prometeu.

Em relação à partida anterior, o Avaí perde sua dupla de voltantes. Judson, com dores no músculo da coxa, e João Filipe, com um novo problema no tornozelo, estão fora. Em seus lugares entram Braga e Renanzinho, que fará seu primeiro jogo como titular após suspensão por doping. Silas manterá os quatro atacantes: Iury, Lucas Fernandes, William e Tauã, com o último mais posicionado no meio campo.

Por força de lesão, Silas deve fazer duas alterações no meio campo (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)
Por força de lesão, Silas deve fazer duas alterações no meio campo (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)