Lateral-esquerdo João Paulo é apresentado no Avaí e garante: "Pronto para jogar"

Jogador de 25 anos, vice-campeão estadual com o Bahia em 2016, é o oitavo reforço do time para a Série B e só depende de documentação para estrear

Lateral-esquerdo João Paulo é apresentado no Avaí e garante: "Pronto para jogar"
Seis anos depois de defender o Figueirense, João Paulo volta à Floripa (Foto: Alceu Atherino/Avaí FC)

Treinando há quase uma semana com o elenco do Avaí, o lateral-esquerdo João Paulo foi apresentado como o oitavo reforço do time para a Série B. O jogador de 25 anos, formado pelo Fluminense, atuou pelo Bahia no primeiro semestre, onde fez nove partidas, todas como titular.

Fisicamente sem problemas, já que vinha jogando no Bahia e treinando já com o Avaí, João Paulo se disse ansioso para a estreia e espera ajudar na recuperação do clube na temporada, buscando o retorno à Série A.

"Vim para ajudar o Avaí nesta caminhada. Sei que o time precisa reagir, mas conheço a torcida que é vibrante e joga junto. Enfrentei isso quando joguei contra e toda esta mobilização será importante para a grande virada do Avaí. Estou  100% e pronto para jogar, pois estou treinando desde a semana passada aqui na Ressacada", afirmou.

João Paulo iniciou a carreira em 2009 por Fluminense, e passou por Figueirense, Criciúma, Náutico, Mogi Mirim, Tombense e Ponte Preta, antes de chegar ao Bahia em 2015. Nos últimos anos, o jogador sofreu com lesões, mas passou o último ano livre de contusões.

Também por já conhecer a cidade, o jogador contou que não teve muitas dúvidas em escolher jogar no Avaí. "Não é um desafio defender o Avaí, é uma honra. Quando surgiu o Avaí não pensei duas vezes. Sabia que estaria inserido no cenário e a Série B é uma vitrine ótima. No Nordeste a logística é mais complicada, é tudo mais longe, e aqui por já conhecer a cidade, tenho amigos e isso, claro, facilitou, influenciou sobre a minha vinda também", explicou.

A disputa de João Paulo para a titularidade será com Vitor Costa, seu ex-companheiro de Bahia. O técnico Silas já deu indícios que João deve ser titular já na próxima partida se tiver a documentação regularizada, mas espera contribuir para o crescimento de Vitor e do coletivo.

"-Todo mundo quer ser ídolo de uma torcida, então eu vou trabalhar o máximo para que isso possa acontecer, mas sempre pensando no lado coletivo, com muita determinação e vontade para trazer o torcedor de volta, pois isso é muito importante. O Vitor é um grande atleta, mas é um menino ainda, mas sei que tem potencial e com a chegada de mais um lateral o crescimento dele vai ser maior. Mas sei da minha responsabilidade, e estou mais experiente, preparado e vou me doar 110%", prometeu.

O Avaí volta a campo pela Série B no próximo sábado (21) diante do Sampaio Corrêa, na Ressacada, às 16h. Na estreia, o Leão perdeu justamente para o Bahia por 2 a 1, em Salvador.