Avaí recebe Vila Nova tentando quebrar sequência ruim em luta direta contra Z-4

Time catarinense não vence a seis jogos e é o 16º colocado, duas posições abaixo do Vila, que vem de empate em clássico

Avaí recebe Vila Nova tentando quebrar sequência ruim em luta direta contra Z-4
Na última vez que se enfrentaram, em 2015, Leão era líder e Vila, lanterna (Foto: Jamira Furlani/Avaí FC)
Avaí
Vila Nova
Avaí: Renan; Renato, Fábio Sanches, Gabriel, Capa (Célio Santos); Luan, Braga (Tauã), Jajá, Diego Jardel; Rômulo, William. Técnico: Silas
Vila Nova: Wagner Bueno; Douglas Assis, Anderson, Simon, Patrick; Victor Bolt, Magno Silva, Roger, Jean Carlos, Pedro Carmona; Fabinho. Técnico: Guilherme Alves
ÁRBITRO: Caio Max Augusto Vieira, que será auxiliado por Lorival Candido das Flores e Vinicius Melo de Lima, todos do RN
INCIDENCIAS: 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2016, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, SC; a partida começa às 19h15

Sem vencer desde a sexta rodada, o Avaí joga em sua casa tentando se afastar da incômoda 16ª colocação na Série B. O adversário da partida em Florianópolis será o Vila Nova, que vem de dois jogos sem vencer, ambos em casa, e agora tenta compensar trazendo pontos de SC.

Na última vez que se enfrentaram, em 2014, o Avaí venceu o Vila por 2 a 1, em rodada que assumiu a liderança da Série B. Naquele ano, o time catarinense conseguiu o acesso, enquanto o Tigre caiu para a Série C. Em 13 encontros na história, foram oito vitórias avaianas, quatro do Vila e somente um empate.

Silas quer time mais atento e com menos erros para voltar a vencer

Após quatro rodadas, o Avaí voltou a pontuar nas duas últimas rodadas, mas ainda não venceu. Foram dois empates por 1 a 1. O último deles, fora de casa, diante do Tupi, que manteve o Leão fora do Z-4, com 12 pontos em 16º, apesar de não ser um ponto comemorado. O técnico Silas ficou indignado com a desatenção que gerou o gol do time mineiro e agora espera que o time não falhe mais em momentos assim, para evoluir na competição.

"Vai ser mais correção, mesmo. Jogamos bem contra o Atlético-GO aqui (na Ressacada). Eu disse que ia ser um jogo muito difícil contra o Tupi-MG, que havia vencido o Bahia. Um jogo difícil, no campo deles. A minha bronca foi por perder o rebote e tomar o gol. Atenção a gente não treina. Trabalha cabeceio, posicionamento, inversão de tática dentro do jogo. Mas atenção não. Ali foi falta de atenção. Falei para eles. Se perde esse jogo, ia dormir na zona do rebaixamento por falta de atenção", disse.

O treinador avaiano não confirmou a escalação, mas indicou a entrada de Capa na lateral-esquerda, no lugar de Célio Santos, zagueiro que foi utilizado na posição nas últimas duas rodadas. No meio campo, o volante Braga pode perder a vaga para o atacante Tauã, que volta após ser poupado da viagem à Juiz de Fora. O lateral João Paulo ficará novamente de fora por conta de desgaste. Os meio campistas Lucas de Sá, João Filipe, Judson, Rafinha e Marquinhos ainda não estão à disposição e devem retornar nas próximas rodadas.

Guilherme Alves espera mesma concentração após clássico

Na última rodada, no clássico contra o Goiás, o Vila Nova lutou até os acréscimos para buscar o empate em 1 a 1, aos 48 da segunda etapa. Esse resultado manteve o Tigre a frente de seu rival e manteve três pontos de distância para o Z-4.

O técnico Guilherme Alves, após o empenho demonstrado no clássico, espera que o Vila Nova mantenha o nível de concentração para a partida na Ressacada.

"Foi importante a maneira como o Vila encarou o Goiás. Mais importante que o resultado foi a demonstração de que podemos vencer. Mas podemos vencer não só o Goiás. Temos de encarar todos os adversários assim. Não adianta ter a concentração lá em cima contra o Goiás e não entrar contra o Avaí. Contra o Goiás, normalmente os atletas entram pilhados por causa do clássico. Agora eles precisam entrar também", pediu.

Por conta dos muitos problemas, o treinador não confirmou a escalação. "Temos muitos problemas para o jogo de amanhã (terça-feira). Não sou de fazer mistério, mas não sei nem com quem poderei contar. Para esse jogo está um pouco difícil. Teremos novidades nessa semana, mas para a partida contra o Avaí temos muitos problemas", explicou.

O volante Robston, com problema muscular, os laterais-direitos Jefferson Feijão e Bruno Oliveira, e o lateral-esquerdo Marcelo Cordeiro estão fora, por lesão. Além disso, o zagueiro Reginaldo está suspenso.