Avaí é eficiente e se afasta da zona de rebaixamento ao vencer Vila Nova

Equipe catarinense teve difícil confronto, mas conseguiu sair com vitória dentro de casa e ganhar sobrevida na briga contra degola

Avaí é eficiente e se afasta da zona de rebaixamento ao vencer Vila Nova
(Foto: Jamira Furlani/Avaí FC)
Avaí
3 1
Vila Nova
Avaí: Renan; Renato, Fábio Sanches, Gabriel e Capa; Luan, Caio César (Alemão - 32'/2ºT), Jajá e Diego Jardel (Lucas Fernandes - 15'/2ºT); Rômulo e William (Lucas Coelho - 20'/2ºT). Técnico: Silas Pereira.
Vila Nova: Wagner Bueno (Gabriel - 47'/1ºT); Douglas Assis, Anderson, Vinícius Simon (Dudu - 12'/2ºT) e Patrick; Victor Bolt, Roger, Magno Silva e Jean Carlos; Fabinho e Vandinho. Técnico: Guilherme Alves.
Placar: 1-0, Fabinho [contra], 27'/1ºT. 2-0, Lucas Fernandes, 30'/2ºT. 3-0, Rômulo, 40'/2ºT. 3-1, Frontini, 46'/2ºT.
ÁRBITRO: Caio Max Augusto Vieira (RN), auxiliado por Lorival Cândido das Flores (RN) e Vinícius Melo de Lima (RN) | Cartões amarelos: William (AVA - 21'/1ºT), Victor Bolt (VIL- 21'/1ºT), Douglas Assis (VIL - 25'/1ºT), Caio César (AVA - 43'/1ºT), Renato (AVA - 11'/2ºT), Magno Silva (VIL - 18'/2ºT)
INCIDENCIAS: Partida válida pela rodada 13 do Campeonato Brasileiro da Série B 2016, realizada no Estádio da Ressacada, em Florianópolis/SC e disputada na noite desta terça-feira (28).

Um confronto entre equipes na parte de baixo da tabela que tentavam se afastar da zona de rebaixamento. No Estádio da Ressacada, em Florianópolis/SC, o Avaí teve um difícil confronto contra o Vila Nova. Os clubes alternaram bons momentos, tiveram chances e oportunidades para marcarem gols, mas os catarinenses levaram a melhor.

Na noite desta terça-feira (28), pela rodada 13 do Campeonato Brasileiro da Série B 2016, o Leão da Ilha levou a melhor e venceu por 3 a 1. Os gols foram marcados por Fabinho (contra), Lucas Fernandes e Rômulo. Frontini descontou para os alvirrubros.

Com o resultado, os catarinenses subiram para o 14º lugar, com 15 pontos ganhos. Os goianos ficam uma posição atrás, com 14 pontos somados. A próxima rodada será realizada no fim desta semana. O Vila Nova mede forças contra o Tupi, às 20h30 da sexta-feira (1º), no Estádio Serra Dourada, em Goiânia/GO. O Avaí tem mais um confronto na Ressacada e mede forças contra o líder Vasco da Gama, às 16h30 do sábado (02).

Vila Nova tem melhores chances, mas Avaí sai na frente

As duas equipes tiveram seus momentos no primeiro tempo. Como esperado, o time da casa partiu para o ataque na etapa inicial e teve as melhores oportunidades, as mais perigosas, pelo menos até a metade da primeira etapa. Aos oito minutos, Caio César venceu disputa na área, passou pela marcação e se preparou para finalizar com o pé esquerdo. Vinícius Simon desviou e travou o chute. Aos 14, foi a vez de Diego Jardel fazer boa jogada individual, entrar na área e finalizar no canto defendido por Wagner Bueno. O arqueiro fez a defesa.

Aos poucos, o Vila Nova suportou a pressão e começou a oferecer perigo ao Avaí, em busca do resultado positivo. Aos 23 minutos, um lance polêmico. A equipe goiana trocou passes no campo de ataque e cruzou na área. A zaga catarinense afastou mal e a bola bateu no braço do lateral-direito Renato. Os jogadores do clube visitante reclamaram ao pedir penalidade máxima, mas a arbitragem nada marcou.

Quando o Avaí respondeu, o Vila Nova foi infeliz. Aos 27 minutos, após bola cruzada na área e a defesa alvirrubra vacilou. Diego Jardel dominou a bola no peito, mas adiantou a bola. Porém, o atacante Fabinho foi cortar e mandou para as próprias redes. Placar aberto, gol contra, gol do Avaí.

O jogo ficou mais aberto e os visitantes atacaram com mais intensidade. Aos 33 minutos, depois de cobrança de falta executada na intermediária, Vinícius Simon cabeceou no ângulo e Renan se esticou todo para defender e evitar o empate. Aos 38, em nova falta, o goleiro do Leão falhou no primeiro chute, mas conseguiu se redimir no rebote e evitar o gol goiano.

Avaí equilibra disputa e sacramenta vitória

Em desvantagem pelo gol contra assinalado no primeiro tempo, o Vila Nova partiu para o ataque e desconsiderou o fato de jogar fora de casa. Para sair da incômoda situação, buscar um resultado positivo era necessário. Nos primeiros 10 minutos, o Avaí não conseguiu sair do campo de defesa. A melhor oportunidade goiana veio aos oito minutos, quando Jean Carlos tentou emendar longo chute, mas mandou longe do gol.

Os donos da casa chegaram com perigo aos 10. Após ver o goleiro Gabriel adiantado, Rômulo tentou encobrir o arqueiro, mas a bola bateu no lado de fora da rede. O jogo ficou mais equilibrado, e o Avaí desperdiçou as melhores oportunidades aos 17 minutos. Depois de boa jogada feita por Caio César, Lucas Fernandes falhou nas finalizações. Aos 22, Rômulo tentou encobrir a defesa com uma linda chaleira, mas não acertou a meta.

Aos 30 minutos, depois de equilibrar o páreo e ter as melhores chances, o Avaí conseguiu ampliar a vantagem e ter mais tranquilidade para obter a vitória. Depois de aplicar linda caneta de letra em um marcador do Vila Nova, Lucas Fernandes escorou cruzamento pela direita e deixou sua marca.

A reta final do jogo foi bastante movimentada. As equipes alternaram bastante chances, mas esbarraram nos setores defensivos. Aos 40 minutos, Rômulo marcou um belo gol. O jogador bateu de primeira, na saída do goleiro Gabriel, por cobertura, e esticou a vantagem do clube litorâneo. O Vila Nova ainda conseguiu diminuir a diferença. Aos 45 minutos, Capa errou o tempo da bola e deu uma tesoura em Dudu dentro da área. A arbitragem assinalou penalidade máxima. Na cobrança, Frontini bateu forte e deu números finais ao confronto.