Melhor time do returno, Avaí vence Londrina fora de casa e retorna à Série A

Diego Jardel marcou único gol da partida no Estádio do Café, que garante retorno do Leão para a elite do Brasileirão, após apenas um ano na Série B

Melhor time do returno, Avaí vence Londrina fora de casa e retorna à Série A
Torcida e elenco avaiano comemoraram no Paraná o acesso do time (Foto: Divulgação/Avaí FC)
Londrina
0 1
Avaí
Londrina: Marcelo Rangel; Lucas Ramon, Matheus, Marcondes, Léo; França (Rondinelly, min. 12/2ºt), Germano, Rafael Gava, Zé Rafael (Netinho, min. 29/2ºt); Alisson Safira, Itamar (Bruno Batata, min. 16/2ºt). Técnico: Claudio Tencati
Avaí: Renan; Alemão, Fábio Sanches, Betão, Capa; Luan, João Filipe (Judson, min. 33/1ºt); Renato, Marquinhos (Vitor, min. 23/2ºt), Diego Jardel; Rômulo (João Paulo, min. 35/2ºt). Técnico: Claudinei Oliveira
Placar: 0-1, min. 5/2ºt, Diego Jardel
ÁRBITRO: André Luiz de Freitas Castro, auxiliado por Cristhian Passos Sorence e Leone Carvalho Rocha, todos de GO. Amarelos: Itamar, França (LON); João Filipe, Renato (AVA)
INCIDENCIAS: 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2016, no Estádio do Café, em Londrina, PR. Público total: 11.403 torcedores; Renda: R$ 144.440,00

Em uma reviravolta épica, o Avaí bateu o Londrina fora de casa por 1 a 0, com gol de Diego Jardel, chegou a 13ª vitória no segundo turno e garantiu o retorno à Série A. Após terminar o primeiro turno na 15ª colocação, o Leão, com a chegada do técnico Claudinei Oliveira na 20ª rodada, chegou a 42 pontos no returno e, com 65 no total, assume a vice-liderança da Série B, e não pode mais ser alcançado pelo Náutico, 5º colocado, que tem 60. O LEC, com 57, ocupa o 6º lugar e não tem mais chances de acesso.

Na última rodada, os dois times entram em campo no sábado (26), às 17h30 (horário de Brasília). O Londrina enfrenta o Bragantino no Nabi Abi Chedid, enquanto o Avaí joga na Ressacada contra o Brasil de Pelotas.

Londrina domina, mas Avaí tem principal lance da primeira etapa

Necessitando apenas da vitória para continuar na briga pelo acesso, o Londrina foi o time dominante da primeira etapa no Estádio do Café. Em jogo tenso, com muitas faltas - 18 no total - e algumas confusões, o LEC teve 61% de posse de bola e finalizou 10 vezes, contra apenas dois chutes do Avaí.

A primeira chance dos mandantes apareceu logo aos 3. Rafael Gava recebeu dentro da área, girou para cima da marcação e bateu cruzado, com perigo à direita do gol. O Londrina conseguiu manter o domínio do jogo durante grande parte dos 45 iniciais e fez Renan trabahar.

Aos 21, em cobrança de falta de Rafael Gava, Safira desviou de cabeça no canto, mas Renan voou e salvou o Avaí. Quatro minutos depois, Zé Rafael recebeu de Gava dentro da área e ajeitou para Itamar bater forte de pé esquerdo, mas outra vez o goleiro avaiano fez a defesa.

Após a parada técnica aos 30, o técnico Claudinei Oliveira trocou João Filipe, amarelado, por Judson e o Avaí não cedeu mais oportunidades claras aos paranaenses. Mesmo com o Londrina dominando o primeiro tempo, o Leão conseguiu uma chance já nos acréscimos. Aos 49, Capa cruzou da intermediária e encontrou Diego Jardel que, livre, tocou de cabeça e a bola explodiu na trave de Marcelo Rangel. Assim, o primeiro tempo, apesar do domínio do Tubarão e da bola na trave do Leão, foi para o intervalo no 0 a 0.

Diego Jardel marca aos 6 e Avaí comemora acesso

Após um primeiro turno dominado pelo Londrina, o Avaí logo aos 6, conseguiu seu gol. Capa avançou pela esquerda e conectou dentro da área Diego Jardel, que ficou de frente para o gol e bateu forte e no ângulo, para marcar seu segundo na Série B, ambos contra o Londrina.

O Londrina continuou pressionando, porque precisava apenas da vitória, e criou chances, mas dava espaço para o contra-ataque. Aos 13, Safira recebeu de Zé Rafael na entrada da área e bateu cruzado, com perigo à direita do gol. Aos 25, a resposta avaiana. Vitor recebeu de Diego Jardel na lateral da área e bateu forte, mas Marcelo Rangel fez a defesa.

A entrada do centro-avante Bruno Batata deu uma referência maior ao time da casa, que teve várias chances para empatar. Aos 27, Léo recebeu pela esquerda e cruzou fechado para Bruno Batata, que se esticou e tocou de pé direito, à direita do gol. Logo na sequência, Netinho cruzou da esquerda e Bruno Batata subiu mais alto que a de fesa, desviando de cabeça com muito perigo, à esquerda do gol.

Aos 32, mais uma de Bruno Batata. Lucas Ramon cruzou da direita, a bola desviou e sobrou para o centro-avante, que tocou de cabeça e novamente assustou o Leão. Aos 41, Netinho lançou na área, Germano ajeitou e Rondinelly bateu de primeira, mas mandou longe do gol de Renan O Avaí continuou se defendendo para garantir a vitória e o acesso, apesar de pouca posse de bola (37%) e de grande desvantagem em número de finalizações (21 a 5), conseguiu manter a vantagem até o fim e o elenco, muito emocionado, comemorou com a torcida presente no Café a vitória que garante o retorno do time à elite do futebol brasileiro.