Apesar da derrota, Claudinei prega tranquilidade: "Não adianta chegar chutando porta"

treinador se mostrou irritado e cobrou vitória contra concorrentes diretos na tabela

Apesar da derrota, Claudinei prega tranquilidade: "Não adianta chegar chutando porta"
Foto: (Divulgação / Avaí FC)

O Avaí sofreu uma goleada vexatória por 5 a 0, na noite desta quinta-feira (3) para o Coritiba, no estádio Couto Pereira. O jogo que foi válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro mexeu com as estruturas da equipe catarinense.

O técnico Claudinei Oliveira não conseguiu esconder a irritação, mas procurou manter a serenidade. “Peço desculpa por demorar mais que o normal, estava esfriando a cabeça. Teve desgaste grande e esfriando a cabeça a gente evita falar o que não deve. Não teve cobrança. Não adianta chegar no vestiário chutando porta e gritando. Temos que baixar a poeira e falar com os atletas de forma mais serena. Chutar as coisas não vai resolver. Vamos rever o jogo e cobrar com embasamento”, explicou.

Irritado, o técnico cobrou vitória contra os adversários diretos na briga contra o rebaixamento. “Falamos com os atletas, nós não fomos felizes. Falei com eles na preleção: está na hora de ganhar de um time próximo da gente… A gente bate nos grandes. Tem a chance contra o Coritiba e perde. Tínhamos a chance hoje e foi goleada. Rema, rema, quando está encostando para sair, vem e perde. Quando pegar um adversário direto tem que buscar. Está na hora de ganhar de um time perto na classificação. Batemos nos grandes e, quando tem chance com times de perto, perdemos”, reclamou.

Sobre sua permanência do comando da equipe, Claudinei acredita que ainda tem a contribuir com a equipe. "Temos de trabalhar. Qualquer decisão a ser tomada, temos de pensar e refletir para que seja o melhor par ao clube. Vamos tomar decisão com tranquilidade, vamos sentar e conversar. Acho que tenho o que contribuir. O resultado adverso como esse é desagradável para o torcedor. Toda hipótese existe. Vamos pensar.", desabafou.

Com a derrota, o Avaí se manteve na zona de rebaixamento, na 18ª  posição. Em busca de recuperação a equipe catarinense volta a campo no próximo domingo(6), na ressacada. O adversário é o Santos, terceiro colocado na competição. 

 

Avaí Futebol Clube


Mais notícias de