Martinuccio sai do banco, marca pela primeira vez e Avaí derrota Joinville de virada

JEC saiu na frente, mas jogou todo o segundo tempo com um a menos e Leão conseguiu a vitória por 2 a 1

Martinuccio sai do banco, marca pela primeira vez e Avaí derrota Joinville de virada
Foto: Francisco Tadeu/Avaí FC
Avaí
2 1
Joinville
Avaí: Kozlinski (Claudio Vitor); Tiago Cametá, Alemão, Betão, Capa; Judson; Lourenço, Luanzinho (Martinuccio), Marquinhos, Maurinho; Rômulo (Getúlio). Técnico: Claudinei Oliveira
Joinville: Matheus; Dick, Alisson, Evaldo, Alex Ruan; Michel Schmöller, Eduardo Person, Madson; Murilo Rangel (Marlyson), Rafael Grampola (Lazio), Thiago Alagoano (Elias). Técnico: Rogério Zimmermann
Placar: 0-1, min. 14/1ºt, Thiago Alagoano. 1-1, min. 12/ºt, Alemão. 2-1, min. 21/ºt, Martinuccio
ÁRBITRO: Rodrigo D'Alonso Ferreira. Amarelos: Judson, Luanzinho, Lourenço, Getúlio (AVA); Evaldo, Dick, Alex Ruan (JEC). Vermelho: Evaldo (JEC)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Catarinense 2018, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, SC. Público total: 3.387 torcedores

Debaixo de muita chuva, o Avaí saiu atrás, mas venceu de virada o Joinville por 2 a 1, pela segunda rodada do Campeonato Catarinense. Thiago Alagoano marcou seu segundo na competição, mas Evaldo foi expulso antes do intervalo e o Leão marcou com Alemão e Martinuccio na segunda etapa e garantiu o triunfo na Ressacada.

Os dois times têm três pontos, mas o Joinville é o 5º, uma posição à frente do Avaí por conta dos critérios de desempate. Na quarta-feira (24), às 20h30 (horário de Brasília), o Leão enfrenta o Hercílio Luz, em Tubarão, enquanto o JEC recebe o Inter de Lages.

Logo no começo da partida, Lourenço teve uma boa chance para o Avaí, mas parou em defesa de Matheus. Aos 8, o goleiro avaiano, Kozlinski, se machucou em dividida com Madson, e foi substituído pelo estreante Cláudio Vitor. Seis minutos após entrar em campo, o arqueiro levou seu primeiro gol. Grampola recebeu dentro da área, bateu com desvio, a bola passou por Cláudio Vitor e bateu na trave. No rebote, Thiago Alagoano ficou com gol aberto e completou para abrir o placar na Resssacada.

O restante do primeiro tempo foi de poucas chances, com o Joinville se posicionando defensivamente e evitando o assédio do Avaí, que, pouco criativo, tentou nas bolas alçadas à área levar perigo. Já na reta final da primeira etapa, o zagueiro Evaldo fez falta em Rômulo no meio-campo, levou o segundo amarelo e deixou o JEC com um a menos.

Com um a mais, o Avaí ocupou mais o campo de ataque, e, mesmo sem muitas chances claras esteve em cima do Joinville. Aos 12, na bola parada, Marquinhos bateu falta para área, Alemão desviou e mandou no ângulo para empatar o jogo. Nove minutos depois, João Paulo cruzou da esquerda e Martinuccio, que saiu do banco, cabeceou para marcar seu primeiro com a camisa avaiana e virou o jogo em Floripa.

Rogério Zimmermann tentou mudar o jogo com alterações, mas o Joinville, com um a menos, pouco ameaçou o Avaí. Na reta final, na bola parada, o JEC chegou a assustar, mas a defesa avaiana se portou bem e garantiu a primeira do Avaí no ano.