Mesmo lamentando derrota, Guto Ferreira se mostra confiante para dar a volta por cima

"Temos que trabalhar"; treinador avalia a equipe após a derrota para o Ceará, mas afirma que o Tricolor tem condições de reverter o quadro

Mesmo lamentando derrota, Guto Ferreira se mostra confiante para dar a volta por cima
Foto: Felipe Oliveira / Esporte Clube Bahia

Apesar da derrota inesperada por 1 a 0 para o Ceará, em jogo válido pela 14° rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, Guto Ferreira se mostra confiante e evita desespero. O treinador avaliou a equipe após a partida e já projetou o que pode ser modificado para a evolução do Tricolor nas próximas rodadas.

“Nessa situação de não concluir em gol, não conseguimos fazer o gol, diferente. Tivemos lances de conclusão, mérito do goleiro adversário, fez grande partida. Foi jogo bastante disputado, na primeira bola do jogo poderíamos ter marcado e na segunda bola do jogo vacilamos e sofremos o gol. Interferiu direto no desenvolvimento do jogo. Na confiança. Bahia teve mais escanteios, mais finalizações."

Foi o que disse no jogo passado, tivemos menos posse, menos finalização. Fomos mais competentes e vencemos. Tivemos um gol, não vou transferir a responsabilidade da derrota para a arbitragem. Pode ter influenciado. Mas temos que trabalhar. Só tem uma situação para reverter e para a gente chegar no que temos como objetivo” – afirmou Guto, reiterando que mesmo com "toque" da arbitragem, o time poderia ter feito melhor.

O técnico do time baiano também comentou sobre entrada do Paulo Roberto na equipe, no lugar do Feijão: “Acho que você tem posse de bola, à medida que tem posse de bola, tem condição de ter o controle da partida. Não perdemos em posse de bola e tivemos condição da bola sair com mais qualidade. Quando tivermos que defender mais poderemos optar por um. O Feijão vinha de desgaste. Vamos estudar pra ver se retomamos no próximo jogo ou se mantemos o Paulo” – concluiu Guto.

Bahia ocupa a nona colocação da Série B com 20 pontos. A equipe volta a campo na terça-feira, quando recebe o Vila Nova na Arena Fonte Nova, às 21h30.