Sampaio Corrêa encara irregular Bahia buscando deixar lanterna da Série B

Clube maranhense soma apenas 10 pontos na competição; tricolor da aço busca vitória fora para embalar no campeonato

Sampaio Corrêa encara irregular Bahia buscando deixar lanterna da Série B
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

A 16° rodada da Série B do Campeonato Brasileiro terá prosseguimento nesta sexta-feira (15). Às 21h30 no estádio Castelão, em São Luís, o Sampaio Corrêa receberá o Bahia com ambos visando a vitória para esquecer resultados negativos da última semana.

A rodada anterior foi de lamentação para os times nordestinos. Em casa na terça-feira (5), o Bahia permaneceu na má fase e foi derrotado em casa para o Vila Nova por 1 a 0. Guto Ferreira segue apenas com uma vitória como técnico do Tricolor de Aço. Já o Sampaio foi até Santa Catarina no último sábado (9) e perdeu de 2 a 0 para o Joinville.

Como desfalques, o time da casa ainda segue com Henrique machucado. Rafael Estevam e Daniel Barros necessitam de mais trabalho físico e também foram vetados pelo departamento médico da Bolívia. Yuri e Douglas Pires também seguem fora.

Tempo de descanço pode servir de recuperação para sampaínos

Após mais uma derrota na segunda divisão (a nona em 15 jogos), o time maranhense não coloca em sua cabeça outro resultado que não seja a vitória. O comandante Wagner Lopes ressaltou nesta quinta-feira (14) que o time contou com tempo para trabalho. “Após 49 dias sem ter uma semana inteira para trabalhar, conseguimos esse tempo livre para treinar adequadamente. Então, posso comemorar esse fator positivo em nossa preparação para esse difícil compromisso”

Durante a semana, com o tempo livre ressaltado por Lopes, o time passou a treinar fundamentos que o time mostra dificuldade e que não vinham sendo trabalhados da forma correta, como passe, finalização e moviemntos específicos. Na mesma quinta, com treinos de portões fechados, o Sampaio encerrou os trabalhos nos treinamentos com portões fechados no CT José Macieira. Rafael Estevam e Henrique ainda seguem fora por se recuperarem de lesão. Daniel Barros tambpem foi vetado.

Lucas Sotero, meio campista, alerta para a concentração e do incômodo que os companheiros vem sentindo com a má temporada. O Bahia é o foco da vez para livrar-se da lanterna. “Ninguém está satisfeito com essa situação. Incomoda bastante, mas estamos conversando e trabalhando muito para iniciar uma sequência boa e colocar o Sampaio num lugar que ele de fato mereça estar. Vamos nos doar ao máximo por esses três pontos”.

Wágner Lopes relacionou 22 atletas para o duelo no Castelão: Rodrigo Ramos e Rafael Martins; Éder Sciola e RenanLuís; Luiz Otávio, Wagner Fogolari, Héverton e Rodrigo Arroz; Felipe Baiano, Diego Lorenzi, Renan Ribeiro e Léo Gago; Fernandinho, Felipe Costa, Lucas Sotero e Raylan; Elias, Carlos Alberto, Jean Carlos, Paulo Marcelo, Pimentinha e Edgar.

Foto: Divulgação/Sampaio Corrêa

Guto Ferreira não terá Lomba

Antes da partida contra o Sampaio Corrêa, os torcedores do Bahia tiveram a  informação de que o goleiro Marcelo Lomba não estará mais no elenco. O atleta foi negociado com o Internacional nesta quinta-feira, em troca, o time receberá uma compensação financeira além do empréstimo do goleiro Muriel até o fim do ano, com todos os salários pagos pelo clube gaúcho. Pelo menos para duelo desta sexta-feira, Jean segue sendo titular no gol baiano.

Igualmente ao rival dessa semana, o tricolor teve mais de uma semana sem partidas. Os comandados de Guto Ferreira passaram cinco dias em Porto Seguro. Na quarta (13), retormaram os trabalhos no Fazendão, em Salvador. O time realizou trabalhos táticos e com bola parada durante todo treinamento. A tarde, o time se reuniu para viagem a São Luís.

No Maranhão, o time participou de apenas um trabalho, mais uma vez focando na parte tática. Guto também realizou uma conversa com seus comandados no centro do gramado da Associação Leão Dourado, local do trabalho escolhido pela logística do Bahia.

Vinte jogadores cruzaram o Nordeste e estarão a disposição de Guto Ferreira no Castelão: Felipe e Jean; João Paulo, Marlon, Moisés e Tinga; Eder, Lucas Fonseca e Jackson; Feijão, Gustavo Blanco, Juninho, Paulo Roberto, Régis e Renato Cajá; Hernane, Edigar Júnior, Luan, Luisinho e Zé Roberto.